Compartilhe esta notícia

Área rural terá segurança reforçada - notícias da Sem categoria  - O Popular do Paraná
Módulo de segurança da Colônia Cristina é reforçado, acalmando população da regiãoÁrea rural terá segurança reforçada - notícias da Sem categoria  - O Popular do Paraná
No Capinzal, módulo de segurança também será reforçado

Depois de seguidos registros de roubos e assaltos na área rural de Araucária, a Prefeitura de Araucária está reforçando as rondas da Guarda Municipal no interior. A proposta é instituir mais dois módulos atuantes, um na região do Capinzal e outro na Colônia Cristina, para trazer mais segurança para os moradores da área rural. Também foram locadas mais três viaturas pela Secretaria Municipal de Segurança (SMSP), sendo duas destinadas para atuar mais próximas a essas comunidades citadas e uma será para trabalhos administrativos da GMA.

A promessa é que nos próximos dias as duas unidades já estejam em funcionamento, como explica o diretor da SMSP, Adair Milani. “A Secretaria de Obras precisa realizar alguns reparos ainda, se contarmos com um bom tempo na próxima semana os módulos já estarão operantes. As equipes da Guarda Municipal já estão fazendo rondas ostensivas pelas regiões citadas, basta apenas o local para servir de base”, comenta. As novas viaturas da SMSP são equipadas com sistema giroflex, rádio comunicador, cela, sirene e estão identificadas com a plotagem padrão do órgão.

O novo módulo do Capinzal fica na estrada que vai para a região, em frente ao centro de saúde do bairro. Já o módulo da Colônia Cristina está localizado na Rua São Casemiro, ao lado da Sociedade São Casemiro. A ativação da unidade da Colônia Cristina será possível graças a uma parceria da SMSP com a comunidade local, que cedeu o espaço. O comerciante Cláudio Sarnick, de 37 anos, garante que a comunidade está contente. “Vai ser muito bom, vai ficar 100%. Estávamos com problema de assaltos, conversei com o presidente da associação de moradores, fomos conversar com os guardas e com o prefeito, que nos receberam e decidiram colaborar conosco. Estamos muito gratos”, conta.

Para o prefeito Albanor Zezé Gomes, a ação faz parte de uma complementação das ações de segurança que já estavam sendo feitas na área urbana. “Tivemos este ano a reativação de quatro módulos na área urbana, estão sendo reformados mais dois, o do Costeira e do Planalto, assim como o Centro Integrado de Segurança, no Industrial. Agora a zona rural está sendo contemplada também”, relata.

Caso recente
Pânico, tristeza, susto e medo foram alguns dos sentimentos agonizantes que uma família da área rural de Campo Redondo sentiu no dia 12 de maio. Perto das 08h, seis indivíduos armados invadiram a chácara com um veículo Vectra de cor cinza. Eles arrombaram a porta da residência e, com a mira de revólver, ameaçaram e agrediram os moradores. Segundo as vítimas, eles afirmavam que, caso a Políclia chegasse ao local, iam matar todos. O sexteto recolheu aparelhos eletrônicos, dinheiro e pertences de valor e, após duas horas, colocando em pânico a família, fugiu com rumo ignorado. A Polícia Militar foi acionada e realizou rondas na região, mas não localizou nenhuma pista. A Polícia Civil acredita que a quadrilha não é de Araucária, as investigações continuam.

Compartilhe esta notícia