Entidades assinaram protocolo de intenções para firmar parcerias entre os dois países

Araucária tem a segunda maior colônia de poloneses do Paraná e, devido às fortes raízes culturais que estreitam esses dois países, na sexta-feira, dia 13, foi assinado um protocolo de intenções. O objetivo do termo assinado é estabelecer parcerias nos âmbitos educacionais e culturais, bem como intercâmbios com universidades para troca de experiências nas áreas administrativa, tecnológica, científica e turística.

A carta de intenções foi assinada pelo prefeito de Araucária, Olizandro José Ferreira, o cônsul geral da Polônia, Jacek Perlin, o representante do Cônsul da França Sérgio Bluel, o presidente do grupo folclórico Wesoly Dom, Aleixo Stabach e o diretor da Faculdade Educacional de Araucária – Facear, Murilo de Andrade.

“Essa parceria visa resgatar e preservar a cultura polonesa, aproximando os povos e, por meio das trocas de experiências, será possível o desenvolvimento das diversas áreas envolvidas”, destacou Olizandro.

Após a cerimônia, os convidados participaram de um coquetel com comidas polonesas. Houve ainda recepção típica e exposição de objetos poloneses, a grande maioria original da Polônia.

Curso
Como primeiro resultado dessa parceria, será implantado na Facear, através de uma bolsa oferecida pela própria faculdade e pelo Consulado Geral da Polônia em Curitiba, um curso de polonês.

O curso inicia no dia 23 de abril e terá aulas nas dependências da Facear, nos períodos da tarde e da noite. As inscrições, a R$ 50,00 por módulo, poderão ser feitas até no dia 23. As vagas são limitadas e as matrículas e informações poderão ser obtidas pelo fone 3643-1551.

O objetivo do curso é incentivar o aprendizado da língua polonesa, facilitando os intercâmbios entre Araucária e a cidade polonesa co-irmã Wroclan, formar tradutores e intérpretes da língua polonesa e ainda permitir a realização de pesquisas entre os dois países.

VEJA TAMBÉM

Compartilhe