Feirinha da Praça ficará onde está, garante SMAG

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

Feirinha da Praça ficará onde está, garante SMAG
Feira Gastronômica na Praça da Matriz já se tornou tradição

Alguns feirantes que mantém barracas na Feira Gastronômica da Praça Matriz procuraram o jornal o Popular para relatar que a Prefeitura teria dado a entender que não faria mais a feirinha na praça em 2010. Segundo eles, a notícia começou a ser ventilada no início deste ano pelo comando da Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (SMAG), que tem como secretário o advogado Mário Sérgio Rocha. “Eles começaram com um papo de que os lojistas do entorno da Praça estariam reclamando da Feira”, relatou um dos que procuraram nossa redação.

 

Outra feirante disse que ouviu dizer que o motivo para o suposto fim do espaço teria sido um pedido da secretária de Cultura e Turismo, Tânia Gayer. No entanto, em conversa com a historiadora, ela foi enfática ao afirmar que o boato não tem cabimento algum. “Não tenho qualquer restrição com relação à Feira. Sem contar que não tenho nem poder para tomar qualquer decisão neste sentido”, enfatizou.

Como foram vários os feirantes que manifestaram seu receio de que a feirinha da praça acabasse, entramos em contato com a assessoria de comunicação da Prefeitura para ouvir o que de real há na história. Em nota, órgão garantiu que a “Feira Gastronômica, que fica localizada na praça da Igreja Matriz, terá seu retorno às atividades no inicio de fevereiro”.

Ainda segundo a assessoria, no mês de janeiro a feira não funcionou por conta das férias de início de ano e também para estudar novas mudanças para o espaço em 2010. “Na próxima semana, o secretário de agricultura, Mário Sérgio Rocha, se reunirá com o prefeito Albanor Zezé, e posteriormente, com os ambulantes, para decidir como será realizada a Feira Gastronômica 2010, já que a intenção é melhor organizar o espaço, dar mais higiene e comodidade aos consumidores”, encerra a nota.

Foto: Marco Charneski/ Arquivo O Popular