Decisão de não realizar o evento foi tomada em conjunto com as associações de moradores de Araucária, em reunião realizada na quarta

Depois de ter sido adiada por mais de uma vez, a Festa das Comunidades foi cancelada definitivamente na última quarta-feira, dia 15, pela Prefeitura e pela Unamar (União das Associações de Moradores de Araucária), que eram parceiras na organização do evento. O comunicado do cancelamento da festa aos presidentes de associações de moradores foi feito ainda na quarta-feira, em reunião realizada no Museu Tingüi-Cuera, com a presença de cinco secretários municipais.

Motivos
Os motivos para o cancelamento da Festa, segundo informou a comitiva de secretários presentes na reunião, foram problemas para realizar, dentro do prazo estipulado em lei, as licitações para contratar as empresas que fariam os serviços de infra-estrutura da festa.

Além disso, um advogado da cidade também entrou com uma representação no Ministério Público questionando alguns procedimentos adotados pela Prefeitura para realizar as licitações e acusando o presidente da Unamar, Whiter Ribeiro, o Paulista, de pedir propina para uma das empresas que tinha interesse em instalar o parque de diversões que funcionaria durante a Festa. Paulista nega a acusação.

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

A ética dos propagadores de fake news

O título desta crônica é provocativo, pois vivemos num tempo onde cada um é induzido a acreditar na sua fake news de preferência através da

Casa Bem Acabada

Iéste negócio da gente se meter a rabequista das véis dando o maior dos problema!! Sobrinha Roseli se achegando com cara cheia de felicidade contanto

Compartilhe