Araucária PR, , 22°C

Junte a família e vá pescar

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

Junte a família e vá pescar
Pesque e pagues garantem diversão para todas as idades e ao ar livre

Lagos e tanques de pesque e pague, obviamente, são repletos de peixes das espécies mais variadas e até prontos para serem pescados. Os pescadores mais puristas alegam que pescar em condições tão favoráveis tira muito a emoção da pescaria. Isso porque, não raro, vê-se aquele pescador de primeira viagem se dar muito bem sem utilizar técnica alguma e contando apenas com a sorte. Mas é justamente aí que está a diversão para muitos amadores.

Conforme levantamento da reportagem do Jornal O Popular do Paraná, Araucária conta com sete pesque e pagues, que proporcionam momentos de lazer tanto de quem não é pescador profissional como daqueles que são adeptos da pesca esportiva e procuram um espaço ao ar livre para se divertir com toda a família. Além dos tanques de pesca, muitos dos estabelecimentos oferecem boa infraestrutura para os clientes.

“Temos 11 quiosques pequenos com churrasqueira e um grande, mais completo, que tem até geladeira”, diz o funcionário de um pesque e pague. Alguns tem campo de futebol, outros sala de jogos e outros parquinho para crianças. Nas lanchonetes, além dos salgados e refrigerantes, há quem venda verduras e frutas e produtos caseiros, como pierogue, broa, queijo, requeijão e geleia. “A gente até limpa o peixe para quem quer assar aqui ou levar limpo para casa”, conta a proprietária de outro estabelecimento.

Faça sol ou chova

E uma boa notícia para os novatos: não é preciso se preocupar com a instabilidade do tempo. Segundo os mais experientes, a claridade e o calor forte fazem os peixes irem um pouco mais para o fundo e por isso dias nublados podem render mais capturas. Quando as nuvens estão escuras é bom ficar atento e preparado, porque um pouco antes de cair o temporal os peixes comem mais. E logo depois da passagem da chuva também é uma boa hora para voltar a tentar fisgar um. Mas é preciso correr se raios começarem a cortar o ar porque as varas podem funcionar como para-raios.

Dicas de pescador

Outra dica importante: fuja das áreas mais movimentadas do lago. O peixe não escuta, mas sente a vibração que é transmitida pela água. Falar nas margens pode, mas correria assusta o peixe, que acaba se concentrando no centro do lago. Procure posicionar a varinha junto da entrada ou saída de água. Na entrada a oxigenação é das melhores devido à movimentação e na saída é onde para a ração flutuante lançada no tanque, por isso os peixes costumam se concentrar nesses locais. E não esqueça de levar filtro solar, boné, óculos escuros e repelente. Se tiver cadeira de praia leve também, para ter mais conforto durante as horas de pesca.

Serviço

Consulte o telefone, o endereço e a infraestrutura dos pesque e pagues no Guia Turístico do Guia Comercial Tudo Araucária, na seção Espaços de Lazer. 

Foto: Victor Amaral