Araucária já tem seus primeiros vacinados contra a Covid-19 | O Popular do Paraná
Compartilhe esta notícia:
Leila Salete de Souza foi a primeira beneficiada pela Secretaria de Saúde realizou preleção com as equipes de vacinação na manhã de ontem. Foto: divulgação

Exatas 46 pessoas foram vacinadas em Araucária contra o novo coronavírus ao longo desta quarta-feira, 20 de janeiro. A prioridade neste primeiro dia da campanha municipal de vacinação foram as próprias equipes que aplicarão o imunizante nas demais e também profissionais de saúde que atuam na linha de frente do enfrentamento à doença.

As poucas unidades da Coronavac disponibilizadas aos municípios brasileiros neste momento têm feito com que as secretarias municipais de saúde tenham que, dentro do que prevê o Plano Nacional de Imunização (PNI), fixar suas diretrizes locais para que a vacina chegue efetivamente, seguindo critérios técnicos e transparentes, ao seu público-alvo.

Nesta primeira leva, por exemplo, Araucária recebeu 1.014 doses da vacina. Daqui duas semanas, a cidade recebe um novo lote, com a mesma quantidade de frascos, para efetuar a aplicação da segunda dose nas pessoas que estão sendo vacinadas agora, concluindo assim o processo de imunização prescrito pelo fabricante da Coronavac.

Primeiros

Leila Salete de Souza foi a primeira beneficiada pela campanha de vacinação em Araucária. Foto: divulgação

Oficialmente, a campanha de vacinação contra a Covid em Araucária teve início nas primeiras horas da manhã de ontem, com uma espécie “preleção” conduzida inicialmente pelo secretário de Saúde, Adilson Suguiura, sobre a importância deste momento não só para os profissionais de saúde, mas também para toda a comunidade araucariense. Na oportunidade também houve um último treinamento das equipes que trabalharão na aplicação das vacinas.

Oficialmente, a aplicação da primeira dose do lote de vacinas destinada a Araucária aconteceu às 10h. Coube à auxiliar de enfermagem Ana Claudia Gonçalves de Souza, 42 anos, preparar o imunizante e, em seguida, aplicá-la na colega Leila Salete de Souza, 53 anos, técnica de enfermagem. Ambas integram a equipe volante que ficará responsável pela imunização dos demais beneficiados por este primeiro lote.

Com as equipes de vacinadas foi a vez de aplicar o imunizante nos profissionais do setor que se tornou símbolo do combate à Covid em Araucária: o Centro Especial de Combate ao Coronavírus Sandra Maria Aparecida Ribeiro, instalado nas dependências do antigo NIS 3.

O primeiro profissional do PA Covid a ser vacinado foi o enfermeiro Samoel Lourenço dos Santos, 33 anos. “Estou emocionado e feliz por ter a oportunidade de receber a vacina. Este é um momento que foi muito aguardado nos últimos meses”, disse.

Quem será vacinado?

O Plano de Ação Municipal fixou diretrizes de “priorização dentro das prioridades” da vacina. Pelo documento, por exemplo, são 2.148 trabalhadores da área da saúde, 110 pessoas com mais de 60 anos que estão em casas de repouso instaladas em Araucária e 8.976 idosos. Se fossemos levar em conta todo o contingente classificado como prioritários seriam 23.658 pessoas. Os imunizantes recebidos até agora contemplam apenas 4,3% deste total. Por disso, neste primeiro momento, serão contempladas as equipes de vacinação, trabalhadores de casas de repouso de idosos e trabalhadores dos serviços de saúde públicos e privados que estiverem envolvidos diretamente no atendimento a casos suspeitos e confirmados de Covid-19.

Destes, pelo menos 258 trabalhadores estão lotados no CEC Covid. Outros 64 são profissionais do SAMU e 55 trabalham no serviço de remoção de pacientes da Prefeitura. Já nas unidades básicas estão cerca de 230 funcionários das equipes de monitoramento, rastreamento e coleta domiciliar de casos do novo coronavírus. Há ainda cerca de 150 funcionários do Hospital Municipal de Araucária (HMA) que estão em setores diretamente ligados a pacientes com Covid.

Araucariense foi vacinada mesmo antes da chegada da vacina à cidade

Patrícia trabalha na UTI Covid do Hospital do Trabalhador. Foto: divulgação

Embora a vacina contra a Covid-19 tenha começado a ser aplicada em Araucária só nesta quarta-feira, 20 de janeiro, já tivemos uma cidadã local sendo imunizada na noite de segunda-feira (18) quando as primeiras doses de Coronavac desembarcaram em solo paranaense.

Patrícia Moreira Pinto, 33 anos, é técnica de enfermagem do Hospital do Trabalhador e foi a 4ª paranaense a receber a vacina. Ela, que mora no bairro Tindiquera, acabou estando entre as contempladas pela vacina porque trabalha na ala de UTIs destinada a pacientes com Covid-19 do HT. “São dez meses de muita luta, de muitas histórias tristes e felizes e estou até agora emocionada com a oportunidade de ter sido uma das primeiras profissionais de saúde a receber a vacina”, diz

Texto: Waldiclei Barboza

Publicado na edição 1245 – 21/01/2021

Compartilhe esta notícia:


Aproveite, cadastre seu email para receber novidades!

, , , , ,