Pesquisar
Close this search box.

Araucarienses faturam ouro no Mundial de Arco e Flecha

Foto: Divulgação.
Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

Vinte arqueiros de Araucária participaram do WBHC2023 (World Bowhunter Championships 2023), que aconteceu entre os dias 30 de junho a 8 de julho em Rovaniemi, na Finlândia. O evento é sancionado através da Associação Finlandesa de Tiro com Arco (FFAA), pela IFAA e esta foi a primeira edição realizada após a pandemia. Tina Riter foi campeã mundial na categoria VFT, superando arqueiras da Alemanha, Suíça, Áustria, Inglaterra, Itália e Polônia. Já Ana Paula Borrego foi campeã na categoria VFBU, ela também bateu sua melhor marca e estabeleceu novo recorde para a prova 3D Standard. Ana terá seu nome registrado no livro da IFAA, como primeira brasileira a conseguir este feito.

A competição reuniu 900 arqueiros e arqueiras e as expectativas eram muitas, já que no período de pandemia cada país teve suas dificuldades para manter o esporte em ritmo normal. Estiveram representados na oportunidade 31 países, o que demonstrou a força do arco e flecha, que continua crescendo pelo mundo.

Marcos Riter destacou um momento muito especial durante a cerimônia de premiação, no Ginásio do centro esportivo de Rovaniemi. “Foram premiados muitos arqueiros e arqueiras de vários países, mas quando foi anunciada a medalha de ouro para o Brasil, enquanto a Tina se deslocava para receber o prêmio, os suíços puxaram um coro com a música Aquarela do Brasil e todos do ginásio cantaram, demonstrando o carinho pelo nosso país e pela nossa gente”, declarou.  

Edição n.º 1371.