Atendimentos nas UBS estão sendo retomados de forma gradativa | O Popular do Paraná
Compartilhe esta notícia:
Atendimentos nas UBS estão sendo retomados de forma gradativa
As unidades básicas de saúde estão com 50% de seus atendimentos, podendo aumentar em breve. Foto: José Fernando Ogura.AEN

Ainda que a pandemia do coronavírus não tenha acabado e que as medidas de prevenção e distanciamento social continuem valendo, as unidades básicas de saúde de Araucária já estão atendendo com 50% de suas capacidades e há possibilidade de um aumento em breve. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, as consultas eletivas na Atenção Secundária (especialidades) já foram retomadas no dia 27 abril, com espaçamento de tempo maior entre elas. Já na Atenção Primária, o atendimento ocorre após avaliação dos casos de prioridade e há situações em que o atendimento é domiciliar.

Os agendamentos para atendimentos nas UBS, tanto com o médico quanto a enfermagem, podem ser realizados pelo Disque Consulta das unidades (números de telefones estão disponíveis no site da Prefeitura. Portanto, não há necessidade de o usuário se deslocar até a UBS para realização destes agendamentos. A marcação do serviço especializado segue via contato telefônico, conforme o fluxo habitual da Central de Regulação (CR/DPGA).

Com relação às vacinas, a Saúde esclareceu que estão sendo realizadas normalmente. Algumas delas, como a BCG, seguem sendo aplicadas conforme agendamento prévio, como já era habitual no município. A retirada de medicamentos não sofreu alterações durante a pandemia e continuam sendo feitas nas UBS e na Farmácia Central. A secretaria esclarece que houve um trabalho conjunto para que, prioritariamente, os grupos de risco recebessem os medicamentos em casa, sendo entregues pelas equipes das UBS. A respeito das renovações de receitas de medicamento de uso controlado, estão sendo feitas mediante consultas. No caso de medicamentos de uso contínuo, cada caso é avaliado direto com a coordenação do serviço de saúde.

Exames

Assim como as consultas, os exames estão sendo agendados conforme fluxos determinados pela Central de Regulação do Município, que recebe as solicitações dos serviços de saúde. Contudo, respeitando as orientações das autoridades sanitárias, notas técnicas e decretos vigentes relacionados ao enfrentamento da Covid-19, os casos são avaliados e busca-se a melhor maneira para suprir os atendimentos. Sobre os exames realizados pelo Estado, a Saúde disse que os mesmos seguem norma definida pela Secretaria de Estado da Saúde. Há previsão de atendimento de 75% das agendas ambulatoriais/especializadas, exceto cardiologia e nefrologia, que devem retomar 100% dos atendimentos.

Profissionais

Com relação ao quadro de profissionais, a Saúde informou que não está completo para atendimento presencial, pois há inúmeros afastamentos justificados pelo decreto do grupo de risco (Decreto Municipal n° 34.379/2020). A Atenção Primária possui, hoje, um quadro com 731 servidores; 62 destes se enquadram nos grupos de risco, realizando trabalho remoto. O restante atua normalmente.

Nas especialidades, o quadro é de 196 servidores; sendo 40 enquadrados no grupo de risco e alguns deles realizando trabalho remoto. Outros servidores, por serem grupos de risco, foram realocados para trabalhos presenciais, porém, com menor exposição, como os trabalhos no Disk Corona.

Texto: Maurenn Bernardo

Publicado na edição 1233 – 08/10/2020

Compartilhe esta notícia: