Torneio reuniu muitos arqueiros. Foto: divulgação

As provas do Campeonato Arauqüeras para a temporada 2022 foram retomadas no dia último dia 22 de janeiro. O 1º Torneio Indoor do ano teve 14 participantes e foi válido para o circuito brasileiro da Field Brasil. A prova aconteceu no CT Cordilheira, Centro de Treinamento e Instrução do Grupo de Arqueiros de Araucária, localizado no bairro de Roça Nova. O CT, que agora conta com 10 anteparos para a prática de Tiro com Arco, foi especialmente preparado para as oito provas que serão disputadas neste ano.

A prova Indoor consiste em 60 disparos em um alvo de 40 cm, distante 20 jardas (18,30 m), com 5 zonas de pontuação em círculos concêntricos valendo de 5 pontos ao centro até 1 ponto na borda. Os alvos foram também impressos em Araucária e homologados pela Associação Nacional. Já os anteparos utilizados para receber as flechas são fabricados pela Nômades, empresa do Município, que tem como principal apelo a questão da reutilização de plásticos, e contribui para o cuidado com o meio ambiente. Hoje são conhecidos e utilizados nacionalmente em vários outros polos pelo Brasil.

Segundo o Grupo Arauqüeras, a participação de arqueiros vem aumentando nesta modalidade de provas, até o ano passado não recebia muita atenção por parte dos praticantes. No entanto, a edição do Campeonato Brasileiro BIAC 2021 – 4ª Copa Ronaldo Nacaxe, ocorrido em dezembro no Ginásio Joval de Paula Souza, despertou o interesse por estas provas, que podem ser uma ótima porta de entrada para os iniciantes.

Na prova do dia 22, o arqueiro Pablo Deusdiante, na categoria YAMTR (jovem adulto masculino tradicional) bateu o recorde brasileiro, com 222 pontos, superando o recorde anterior que era de 211 pontos. E na prova realizada em Campo Largo, no dia 16 de janeiro, a arqueira Claudete Alberti também bateu o recorde brasileiro de sua categoria com 288 pontos, superando o recorde de 204 pontos que já era seu.

Os demais arqueiros participantes do 1º Indoor 2022 também fizeram bonito na prova. São eles: Ana Carolina Riter, Pricila Fabiana Muraro, Juliana Schmidt da Nova Alves, Jhonatan Danilo Gonçalves, Leandro Haruo Nakamura, Cláudio Roberto Ferreira dos Santos, Eutimio Rocha Deusdiante, Julia Souza, Ademir Paiola, Claudete Antonia Alberti, Clementina Guechewski Riter, Marcos Antonio Riter, Isabela Schmidt da Nova Alves e Pablo Deusdiante.

Texto: Maurenn Bernardo

Publicado na edição 1296 – 27/01/2022

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

Compartilhe

Share on twitter
Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp