CE União pede licença para Federação e Araucária ECR é convidado a disputar a Segundona Paranaense

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

O Araucária ECR vai disputar a Segunda Divisão do Campeonato Paranaense – Segundona 2023. Isso mesmo! O CE União perdeu o prazo de inscrição e a Federação Paranaense de Futebol (FPF) convidou o time araucariense para preencher a vaga. Sem o União, que foi rebaixado da elite junto com o Paraná, a FPF usou o critério de chamar o terceiro colocado na Terceirona 2022 para substituí-lo. Os últimos times promovidos tinham sido o Grêmio Maringá e o Patriotas, campeão e vice da terceira divisão, respectivamente. O Araucária ficou na terceira posição, enquanto o Arapongas terminou em quarto.

Na tarde desta terça-feira (14/02), a Federação se reuniu de forma online com os 10 clubes que vão disputar a Segunda Divisão, para definir a forma de disputa da competição e a previsão de início, que é 30 de abril, com a final prevista para o dia 23 de julho. Além do Araucária, participarão da divisão de acesso os times do AA Iguaçu, Andraus Brasil, Apucarana Sports, EC Laranja Mecânica, Grêmio de Esportes Maringá, Paraná Clube, Patriotas FC, PSTC e Toledo EC. 

A competição será realizada em turno único, com nove partidas. Os quatro melhores colocados fazem as semifinais, e os finalistas sobem para a Primeira Divisão. A fase mata-mata tem partidas de ida e volta.

Trajetória do Cacique

Em 2019 o Araucária ECR jogou a Terceirona e chegou na 3ª colocação após perder nos pênaltis para o Andraus. Em 2020, com a desistência do Foz do Iguaçu, foi convidado a disputar a Segunda Divisão, chegou até a semifinal contra o Maringá, após fazer uma bela campanha. Em 2021 a campanha foi péssima, segundo avaliou o próprio clube, e o Cacique caiu para a Terceira Divisão.

Em 2022 se reergueu, fez uma campanha memorável, chegando à semifinal, porém perdeu nos pênaltis para o Grêmio de Maringá. Agora em 2023, com a desistência do União de Beltrão, foi convidado a disputar a Segundona.

“Mais uma vez tivemos a sorte de sermos convidados pela Federação para disputar a Segundona, para alegria da nossa torcida. Precisamos ser ágeis e treinar muito, porque temos pouco tempo de trabalho para a estreia na competição no dia 30 de abril”, disse um dos dirigentes do Araucária.

Compartilhar
PUBLICIDADE