Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Diretora e alunos orgulhosos com a conquista. Foto: divulgação

 

Quando o assunto é robótica, os alunos do Colégio Metropolitana são merecedores de elogios e fazem jus ao título de “crânios”. Já conquistaram vários prêmios em feiras, olimpíadas e outras competições do setor. E agora eles provaram que têm mesmo talento na Olimpíada Brasileira de Robótica – OBR, que aconteceu no sábado, 29 de junho, no Instituto Federal do Paraná – IFPR, em Colombo. A instituição levou para o evento duas equipes, com quatro alunos em cada: a Metronic, que ficou em 5º lugar, e a The Warriors, que conquistou a 9ª colocação.

Considerando que a competição reuniu competidores de alto nível técnico, e havia 40 equipes participantes, o Colégio Metropolitana mandou bem. “Não posso dizer que foi uma surpresa a gente ter ficado no Top 10, porque foi visível o desempenho e a dedicação dos alunos e professores, ainda mais se tratando de uma Olimpíada sem limite de idade, onde eles tiveram que disputar com estudantes mais velhos que eles, e é claro que por conta disso, bateu um certo nervosismo”, destacou a diretora Márcia Katuragi.

Como somente oito equipes se classificariam para a fase estadual, apenas a Metronic segue em frente na competição. “Serão realizadas outras regionais, e há uma chance grande de a equipe The Warriors ser chamada, o que será muito importante para incentivar os alunos. De qualquer forma, o Colégio Metropolitana mais uma vez foi destaque em uma competição de robótica. É um trabalho inovador e o colégio como um todo está de parabéns”, comemorou Márcia.

Texto: Maurenn Bernardo

Publicado na edição 1170 – 04/07/2019

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM