Como reflexo da crise, Colégio Sesi de Araucária vai fechar a partir de 2021 | O Popular do Paraná
Como reflexo da crise, Colégio Sesi de Araucária vai fechar a partir de 2021

A crise atual tem trazido prejuízos para vários setores, e um deles, sem dúvida, é o da educação. Instituições de ensino privadas estão tendo dificuldades para manter suas estruturas e muitas, infelizmente, foram obrigadas a enxugar ao máximo, para seguir em frente. É o caso do Colégio Sesi, mantido pelo sistema Fiep, que vai fechar a unidade de Araucária a partir de 2021. O encerramento das atividades da unidade, que está instalada na rua Presidente Castelo Branco, 192, no bairro Thomaz Coelho, representa uma grande perda para o setor educacional do município, já que o Colégio conta com uma metodologia transformadora, que prepara milhares de jovens em todo o estado para fazerem a diferença em um cenário global, sempre em sintonia com a inovação.

Atualmente o Colégio Sesi conta com aproximadamente 10.700 alunos, e para 2021, serão ofertadas cerca de 8.600 matrículas. Porém, após criteriosa avaliação, a decisão de fechar algumas unidades, entre elas a de Araucária, leva em conta o cenário atual e desafios do momento, considerando a viabilidade da oferta, o mercado local, a análise das necessidades da comunidade e da indústria paranaense. Segundo a Fiep, as atividades no colégio seguem até final de 2020, e os alunos continuarão com as aulas normalmente.

“A boa notícia é que as ofertas de cursos Senai, Faculdades da Indústria, EJA, assim como atividades de promoção de saúde e tecnologia e inovação serão continuadas. Os municípios não deixarão de receber os serviços do Sistema Fiep, seja por unidade física, serviços on-line, cursos à distância ou pelas unidades móveis, com foco sempre em atender às necessidades da indústria paranaense”, explicou a Fiep.

Texto: Maurenn Bernardo

Foto: divulgação

Publicado na edição 1225 – 13/08/2020

Compartilhe esta notícia:
One thought on “Como reflexo da crise, Colégio Sesi de Araucária vai fechar a partir de 2021”
  1. Interessante!! Somos uns dos municípios com a maior quantidade de indústria no Paraná, mesmo assim, não temos investimento adequado na área profissionalizante, ver uma instituição dessa fechando as portas em nosso município é algo bem estranho. Fator que deve ter contribuído é a localização.

Comments are closed.