Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Quase mil pessoas acompanharam as corrida e torceram pelos pilotos
Quase mil pessoas acompanharam as corrida e torceram pelos pilotos

A 2ª etapa do campeonato está marcada para 8 de março
A 2ª etapa do campeonato está marcada para 8 de março

Milhares de aceleradas, participação de mais de 200 pilotos e a premiação dos melhores de 2014 marcaram a 1ª etapa da Copa Araucária de Velocross deste ano. O evento aconteceu no último domingo, 18 de janeiro, no Sítio Terra Firme, e recebeu competidores dos estados do Paraná, Santa Catarina e São Paulo. “Foi uma ótima abertura com a presença de quase mil pessoas e grandes corridas”, conta Nico Cabrini, organizador do evento.

Ainda segundo ele, a etapa contou com um novo traçado da pista e apresentou as novidades da competição. “Temos duas novas categorias, que é a Intermediária Nacional e a Intermediária Especial, além do Prêmio Holeshot para o piloto que sai em disparada e faz a primeira curva da categoria”, comenta o organizador, que viu os participantes darem o seu melhor durante todo o dia.

Um deles foi o araucariense Marcio Lago que, além de trabalhar com motos de Velocross, é apaixonado pelo esporte. “Esse torneio foi bem concorrido, mas eu consegui vencer a VX3 Nacional e a Força Livre Nacional, começando muito bem este ano”, conta.

O único problema, segundo ele, aconteceu na corrida da categoria 230cc. “Eu deixei escapar a traseira da moto logo na largada e perdi posições, ficando em 3º, mas, mesmo assim, achei o resultado muito bom e vou trabalhar para vencer a Copa”, adianta o piloto que, mesmo faltando em duas etapas no ano passado, foi o vencedor geral em duas categorias.

Agora, ele e os demais competidores voltam para as pistas no dia 8 de março, quando deve acontecer a 2ª etapa da competição. Até lá, Nico aproveita para agradecer aos patrocinadores MXF do Brasil, Moto Center, Green Red, Belparts, Gym Company e também aos pilotos. “Afinal, são vocês que fazem tudo acontecer”, finaliza.
arquivo 11_esporte.indd


Texto: Raquel Derevecki / Fotos: Marco Charneski

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM