Corte do lanchinho não agradou os pais

SMED disse que o lanche será retomado no dia 4 de julho
Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

SMED disse que o lanche será retomado no dia 4 de julho
SMED disse que o lanche será retomado no dia 4 de julho

O corte do lanchinho matinal das crianças, que era servido na Pré Escola Municipal Cachoeira todos os dias, às 8 horas, não foi bem digerido por alguns pais. Um bilhete enviado pela equipe administrativa da instituição na sexta-feira, 24 de junho, explicando que a partir desta segunda-feira, dia 27, o lanche seria cortado pelo Departamento de Merenda Escolar, a pedido da Secretaria de Educação, causou muita revolta. Afinal, era só um chazinho com bolachas!

Uma das mães chegou a alegar que os filhos cresceram na creche e sempre tiveram café da manhã às 8 horas e não entendia o porquê do corte. “Será que a crise tá tão feia assim que cortaram a bolachinha das crianças, com tantas outras coisas inúteis que poderiam ser cortadas”, reclamou.

Outra mãe alegou que as maiores prejudicadas seriam as famílias que não tem o que dar de café da manhã para os filhos. “O que será dos pais que estão desempregados e mandam os filhos para a creche para que recebam uma alimentação decente. É o fim da picada”.

A direção da pré-escola alegou que a suspensão foi um equívoco e que já está buscando uma solução para o problema, mas não quis dar mais explicações. Já a Secretaria de Educação explicou que houve um problema de falta de comunicação, pois a unidade acabou solicitando uma quantidade menor do que seria necessário, e faltou ingredientes para o lanchinho das 8 horas.

A SMED explicou ainda que já se reuniu com os pais e os res­ponsáveis pela pré escola para esclarecer o equívoco, e que na segunda-feira, 4 de julho, o lanche das crianças já estará normalizado.

Texto: MAURENN BERNARDO / FOTO: Everson Santos