Compartilhe esta notícia
FAE promove aulão gratuito com temas para o Enem e oferece bolsas para graduação em Curitiba - notícias da Capa Geral  - O Popular do Paraná
Foto:divulgação

Estudar os temas que podem cair no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e, ao mesmo tempo, concorrer a bolsas de estudo em cursos de graduação, é a proposta do Esquenta Enem, um evento on-line e gratuito promovido pela FAE Centro Universitário, com apoio do Colégio Bom Jesus. A live será realizada no canal da FAE no Youtube, na próxima quarta-feira, 25 de novembro, às 17h. As inscrições são gratuitas e devem ser efetuadas em fae.edu/esquentaenem. O Enem acontece entre os dias 17 a 24 de janeiro de 2021 (versão impressa) e 31 de janeiro a 7 de fevereiro (digital).

De acordo com o doutor em Ciência e coordenador nacional da disciplina de Geografia do Colégio Bom Jesus, Adalberto Scortegagna, o Enem tradicionalmente explora temas contemporâneos e que impactam diretamente a sociedade. “Durante o aulão vamos detalhar temas relacionados principalmente com pautas sociais e ambientais. É importante estar muito bem informado sobre envelhecimento da população brasileira, mudanças climáticas globais, política dos resíduos sólidos, relações entre o jovem e o mercado de trabalho, além de outros tópicos que serão abordados na live”, explica Scortegagna, que será um dos mediadores no aulão.

Bolsas de estudo

O evento Esquenta Enem também será uma grande oportunidade para facilitar o acesso dos estudantes ao ensino superior. É que a FAE Centro Universitário está promovendo um concurso cultural que concederá aos vencedores bolsas de 50% para o primeiro semestre de 2021 em seus cursos de graduação – exceto os cursos integrais e os semipresenciais.

Quanto mais participantes, maiores serão as chances de conquistar a premiação, pois a instituição promete oferecer uma bolsa de estudos de 50% a cada 100 inscritos. “Nesse momento a concorrência não será um problema, mas uma vantagem! Então, vale a pena convidar os colegas da escola, amigos, parentes, enfim, todos que pensam em fazer o Enem em 2021”, sugere Scortegagna.

Texto: Maurenn Bernardo

Compartilhe esta notícia
Fechar anúncio