Família recorre à vaquinha para comprar remédio de jovem que tem alopécia

Foto: Divulgação
Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

Isabelly da Silva, de apenas 14 anos, moradora do bairro Costeira, tem alopécia areata e a família faz das tripas coração para que a garota receba o melhor tratamento possível e possa levar uma vida normal. A alopécia areata afeta os folículos pilosos, levando a perda de cabelo e pelos em outras regiões do corpo, como sobrancelhas, barba, pernas e braços, podendo ser percebida por sintomas como queda de cabelo em formato circular e formação de placas esbranquiçadas no local da perda do cabelo.

Para amenizar o sofrimento da jovem, a família está realizando uma vaquinha no intuito de conseguir pagar um novo remédio receitado pelo médico, o Ciclosporina 100 mg, que tem se mostrado eficaz no tratamento da doença. O problema é que a medicação não está disponível na rede pública municipal e custa a partir de 600 reais. “Esse remédio é de uso contínuo e pode melhorar as condições de saúde da Isabelly. Queremos muito que ela consiga fazer esse novo tratamento. Agora em março ela vai completar 15 anos e está muito triste com a situação que vem enfrentando”, lamenta o pai Hildebrando Freitas Vieira.

Para contribuir com a vaquinha da Isabelly, é só fazer um PIX de qualquer valor nas chaves 41 99713-0617 ou 41 98442-1205, ambas no nome do Hildebrando.

Edição n.º 1403

Compartilhar
PUBLICIDADE