Grêmio Liquigás estreia na 52ª Taça Paraná | O Popular do Paraná
Compartilhe esta notícia:

O time araucariense treinou forte no dia 1º de março para se preparar
O time araucariense treinou forte no dia 1º de março para se preparar

Depois de marcar presença no Arbitral da 52ª Taça Paraná e receber o regulamento e informações a respeito da competição deste ano, o Grêmio Liquigás percebeu que estava passando da hora de treinar. Por isso, marcou dois jogos para esta semana e já teve a alegria de iniciar a temporada com dobradinha de vitórias.
Com diversos treinos, amistosos e a contratação de novos jogadores, o Grêmio Liquigás garante estar pronto para sua estreia na 52ª Taça Paraná. O primeiro jogo da equipe acontece neste domingo, 8 de março, em Guarapuava, quando o grupo enfrentará a Associação Danúbio no complexo esportivo do adversário às 15h30.

De acordo com o treinador Paulo Sérgio de Oliveira, conhecido como Sapo, esse é o primeiro dos três jogos que acontecerão na fase inicial do torneio e dará trabalho aos representantes da cidade-símbolo do Paraná. “Nós estamos na chave B da competição jogando contra times fortes como o Danúbio, o curitibano Nacional e o Fanático de Campo Largo, mas vamos buscar a vitória em cada jogo e lutar por esse prêmio inédito para Araucária”, afirma.

Para isso, a equipe se reúne mais uma vez na noite desta sexta-feira com o objetivo de treinar posicionamento e definir a escalação da estreia. “Nosso encontro será às 19h no Estádio Municipal Emílio Gunha, e depois nos encontraremos só às 7h da manhã no domingo rumo à Guarapuava”, adianta.

Os treinos continuaram na quarta-feira à noite no Estádio Municipal  Emílio Gunha
Os treinos continuaram na quarta-feira à noite no Estádio Municipal
Emílio Gunha

De acordo com Daniel Koch­mann, presidente da Liga Desportiva de Araucária, a equipe realizou um trabalho satisfatório nas últimas semanas e está preparada para enfrentar o desafio. “O elenco é competitivo e está formado por bons valores do nosso futebol araucariense. Então, desejamos boa sorte a todos e que possamos conseguir um resultado positivo já na primeira rodada”, afirma o presidente.

Para o treinador Sapo, a carta na manga da equipe é justamente seu elenco. “Nós temos grandes jogadores como o Quarenta, que está há bastante tempo na equipe, temos o goleiro Paulista que foi o herói do título, o experiente Fábio Maia e vários destaques, então esperamos trazer nossos primeiros três pontos neste fim de semana”, promete.

Taça Juvenil

Enquanto a equipe adulta se prepara para a estreia, o time juvenil pode treinar até o dia 29 de março. Por isso, o grupo tem aproveitado o tempo e treinado por meio de amis­tosos. O último deles aconteceu no dia 1º, quando o grupo venceu o Projeto Vencer por 5×1. “Esse jogo foi ótimo para definirmos a equipe, então posso dizer que já temos 95% do time”, afirma o treinador Adilson Soczek, que já marcou o próximo treino dos meninos para este sábado, às 14h, no Centro Esportivo do Costeira.

Das linhas de produção da Volvo para a Taça Paraná

Paulo Sérgio de Oliveira liderou o Grêmio na Primeirona e continuará a tarefa  durante a Taça
Paulo Sérgio de Oliveira liderou o Grêmio na Primeirona e continuará a tarefa
durante a Taça

Depois de atuar como técnico e jogador durante a Primeira Divisão de Amadores 2015, o funcionário da Volvo, Paulo Sérgio de Oliveira, tem sob seus ombros a tarefa mais desafiadora de sua carreira no futebol amador: liderar o Grêmio Liquigas durante a 52ª Taça Paraná. “Eu já joguei em diversos torneios, inclusive na Taça, mas só comecei a atuar como técnico no ano passado, então será algo novo pra mim”, afirma.

Conhecido por seus jogadores como Sapo, ele se dividiu em 2014 para coordenar a equipe e também ajudá-la em campo, mas nesse torneio decidiu dedicar-se a uma única atividade. “Dos dez jogos que disputamos na Primeirona, eu também joguei em uns cinco para completar o time, mas agora serei apenas treinador”, adianta.

Segundo ele, sua paixão pelo futebol começou na infância em jogos com colegas da escola. “Eu gostava tanto que, ao completar uns 16 anos, fiz o teste no Pinheiros, que mais tarde fez uma fusão com o Paraná Clube, e joguei com eles durante uma temporada”. Esse tempo foi suficiente para que ele entendesse como é a vida de um profissional e mudasse de ideia. “Preferi jogar por prazer”, conta.

Assim, Sapo começou a mostrar seu talento em diversos times da cidade como o Pérola, Juventus, Gremio Liquigás, Araucária, e também em equipes da capital que jogavam na Suburbana, na Folha de Almirante Tamandaré, Taça cidade e na Taça Paraná. “Eu cheguei a ficar entre os quatro melhores na Taça Paraná pelo Araucária e fui campeão na Taça Cidade pelo Laranja Mecânica, de Campo Largo”. Além disso, ele coleciona títulos na Primeira Divisão de Amadores de Araucária e conta com duas vitórias internacionais conquistadas na Copa Caribe.

Por isso, aproveita para agradecer a esposa e seus dois filhos pela paciência e incentivo. “Não é fácil conciliar trabalho, família e futebol, então muitas vezes precisei tirar o tempo que deveria ser da minha esposa para acompanhar o time. Quero agradecê-la por tanta compreensão”, finaliza.

Texto: Raquel Derevecki / FOTOS: EVERSON SANTOS

Compartilhe esta notícia:


Aproveite, cadastre seu email para receber novidades!

, ,