Pesquisar
Close this search box.

Guarda Municipal atendeu cinco chamados por agressão no último fim de semana

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

O último fim de semana foi marcado por violência em Araucária, a Guarda Municipal atendeu cinco ocorrências de violência diferentes.

A primeira, aconteceu às 8h24 da sexta-feira (10), na Rua Arnaldo Antônio Senegaglia, no bairro Cachoeira. Uma mulher de 32 anos foi espancada pelo pai após uma discussão. Quando a GM chegou no local da ocorrência, encontraram a vítima com marcas pelo corpo e sangramento na boca. Ela relata que o pai teria fugido após a agressão, mas informa onde ele poderia estar. A equipe foi até a Rua Francisco Raksa Júnior, no bairro Costeira, e conversou com a mãe da vítima, que disse que o marido estava usando entorpecentes na casa.

Os agentes entraram na casa e tentaram conversar com o homem, que relutou em abrir a porta. Depois de muita conversa, o indivíduo saiu do cômodo e foi abordado pelos guardas. Ele recebeu voz de prisão sendo encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, para as providências cabíveis.

Na segunda ocorrência, a vítima permitiu que o ex-marido fosse até a sua residência para visitar a filha, ao chegar na casa, o homem tentou beijar e tocar a vítima. Diante da recusa, ele a agrediu com mordidas e puxões de cabelo.

Uma equipe da Guarda Municipal foi até a Rua Joaquina Tonchak, no Porto das Laranjeiras, na tarde de sexta-feira (10), mas o agressor havia fugido. Com um aviso via rádio, outra equipe da GM que patrulhava pelo bairro conseguiu encontrá-lo pelas redondezas.

Ele foi abordado e preso diante da vontade da vítima em representar criminalmente, em seguida foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil.

A terceira ocorrência foi atendida na madrugada de sábado, uma briga generalizada aconteceu na residência de uma família, no bairro Estação.

Equipe de Área da Guarda Municipal foi solicitada para atender o chamado, chegando no local a guarnição se deparou com um homem sendo agredido, já ferido e sangrando. No momento da abordagem, um dos agressores tentou fugir, mas, foi contido pela equipe.

Os agentes acionaram uma equipe do SIATE para prestar socorro a vítima do esfaqueamento e conversaram com os envolvidos para tentar entender a situação. A mãe dos meninos contou que eles agrediram o pai após ele chegar em casa alcoolizado e agredi-la, um dos garotos deferiu uma facada contra o pai.

Diante dos fatos, a Equipe da Guarda Municipal encaminhou os dois filhos e pai para a delegacia de polícia civil e apresentou a ocorrência à Autoridade Policial de plantão.

A quarta ocorrência é referente a uma confusão generalizada em frente a uma casa, uma equipe da guarda estava realizando patrulhamento na madrugada do último domingo, quando avistaram a confusão.

Quando as pessoas envolvidas avistaram a viatura, tentaram segurar um homem a força e pediram a ajuda dos agentes, eles auxiliaram na contenção do homem alterado e agredindo as pessoas.
Testemunhas contaram que o rapaz teve uma desavença com seu namorado em um bar e ao retornar para casa começou a agredir sua tia, algumas pessoas tentaram intervir e também foram agredidas pelo homem.

O namorado e a tia do agressor, que apresentaram lesões por conta das agressões, mostraram interesse em representar criminalmente contra ele.

Diante dos fatos, a Equipe deu voz de prisão ao homem e o encaminhou à Delegacia de Polícia Civil.

A última ocorrência foi atendida também na madrugada de domingo, um homem causou confusão em uma balada no bairro Estação, algumas pessoas tentaram conter o rapaz, porém sem sucesso.

A mãe e a irmã do indivíduo foram até o local para buscá-lo, mas, ao chegarem no local, ele empurrou sua mãe, que feriu um dos braços com a queda. Ele também agrediu fisicamente sua irmã. A Guarda Municipal foi acionada e diante da vontade das vítimas em representar criminalmente contra o indivíduo, os agentes deram voz de prisão e o encaminharam para a Delegacia de Polícia Civil.