Foto: divulgação

Nesta semana 64 guardas municipais de Araucária deram uma lição de cidadania e humanidade, quando se voluntariaram para doar sangue no Centro de Hematologia e Hemoterapia do Paraná (Hemepar), que estava com estoque das bolsas baixo. Dois ônibus levaram os integrantes da 6ª turma da GMA na terça-feira, 8 de março.

Para a responsável pela Coordenação do Centro de Formação e Aperfeiçoamento da Guarda Municipal, GM Tatiane da Rocha, a ação é um exemplo prático das noções que os alunos da GMA aprendem no curso de formação e devem levar para a carreira. “Ser um guarda municipal também está relacionado com a ética, estimular e praticar a cidadania. Uma doação de sangue pode salvar até quatro vidas e é uma atitude louvável”, elogia a GM Rocha.

O Hemepar tem tido queda das doações de sangue, sendo que tem a capacidade diária de atendimentos de 180 doadores por dia. O Hemepar é responsável no Paraná pela coleta, armazenamento, processamento, transfusão e distribuição de sangue para 385 hospitais, além de atender a maioria dos leitos SUS do Paraná.

Texto: Assessoria

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

Pablo Rosales é campeão brasileiro de jiu jitsu

O araucariense Pablo Rosales, 15 anos, aluno do colégio metropolitana, se consagrou campeão no Campeonato Brasileiro de Jiu Jitsu, organizado pela Confederação Brasileira (CBJJ). O

Compartilhe

Share on twitter
Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp