Homem é preso após agredir companheira e ele mesmo levá-la ao hospital

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

Na noite do último sábado (13/05), uma equipe de saúde da UPA fez contato com a central da Guarda Municipal para informar que uma vítima de violência doméstica havia dado entrada na unidade. Chegando ao local, agentes da Guarda conversaram com a médica responsável pelo atendimento da vítima para entender a situação.

A vítima apresentava um ferimento grave na cabeça, confusão mental e sangramento interno e por conta desse quadro, teve que ser transferida para o Hospital do Trabalhador em Curitiba. O próprio agressor foi quem a conduziu ao HT, onde deixou a companheira e ficou pelas redondezas do local. Essa informação foi obtida após agentes da Central da GM notarem sua presença através das câmeras de monitoramento instaladas na Unidade.

Assim que ele foi avistado pelos agentes, a guarnição que fazia o atendimento na UPA foi informada. Os policiais conseguiram localizar o agressor, que recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a delegacia.

Compartilhar
PUBLICIDADE