Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Foto: divulgação

O homem suspeito ter roubado e estuprado a funcionária de uma loja no centro de Curitiba, foi preso na madrugada desta sexta-feira, 16 de julho. Guilherme Penkal, 38 anos, que seria morador de Araucária, se apresentou na Delegacia da Mulher e deverá depor ainda nesta sexta-feira. A foto do suspeito foi divulgada pela Polícia Civil do Paraná ontem (15/07) e ele já era dado como foragido.

O crime aconteceu na sexta-feira, 9 de julho, quando a vítima estava trabalhando na loja e foi surpreendida pelo homem armado, que a ameaçou e em seguida a estuprou. Depois do estupro, ele também roubou uma quantia em dinheiro, o celular da vítima e as chaves da loja. Segundo as investigações, o suposto autor já estaria circulando pela região há um certo tempo, à procura de vítimas.

Após ter a prisão preventiva decretada, a polícia fez uma busca na sua residência, em Araucária, mas não o encontrou. O suspeito não é primário, tem passagens por um estupro cometido em 2011, e um ato obsceno, praticado em um shopping de Curitiba, em 2013. Foi preso na época, mas estava em liberdade desde 2019. Ainda de acordo com a polícia, o suspeito se apresentava nas redes sociais como terapeuta e cantor.

VEJA TAMBÉM