Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Foto: divulgação

Uma situação no mínimo macabra foi atendida pela Guarda Municipal de Araucária na tarde de domingo, 21 de novembro, na rua Pavão, bairro Capela Velha. Após matar sua cadela de estimação, um homem pediu aos vizinhos que tirassem fotos dele ao lado do animal morto, que ele mesmo havia pendurado no portão da sua casa, e que o exibia como se fosse um troféu. Quando a GMA chegou no local, o agressor já havia saído, mas testemunhas do fato repassaram suas características, o que ajudou ele ser localizado após algumas buscas. Segundo a GM, os moradores que presenciaram a brutalidade contra o animal indefeso estavam indignados.

O autor do crime foi preso em flagrante, mas tentando se safar, disse aos guardas que tinha mesmo tirado uma selfie ao lado da cachorra, porém negou a brutalidade e disse que a causa da morte teria sido envenenamento. A versão do agressor foi prontamente desmentida pelos vizinhos, que disseram ter visto ele torturando a cadela até a morte. Os moradores relataram ainda que esta não teria sido a primeira vez que ele matou um animal. O agressor foi encaminhado à Delegacia de Polícia para as providências cabíveis.

Sobre o caso, a Secretaria Municipal do Meio Ambiente disse que entrará em contato com a Guarda Municipal para também lavrar o auto de infração. Importante ressaltar que, por lei, maus tratos contra animais é crime, passível de detenção e multa.

VEJA TAMBÉM