Julgamento de réu suspeito de ameaçar vizinho e tentar matar a esposa e os dois enteados foi adiado

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

O julgamento de Valdair Rodrigues da Silva, que responde por tentativa de homicídio, que seria realizado na quinta-feira (26/10), foi redesignado para o dia 18/04/2024. O crime pelo qual ele responde ocorreu há cinco anos, o réu é acusado de invadir a casa do vizinho e ameaçá-lo de morte, depois tentar matar os dois enteados e a esposa.   

Tudo aconteceu na noite do dia 2 de novembro de 2018, Valdair invadiu a casa do vizinho, localizada na Avenida dos Pinheirais, bairro Capela Velha, armado com uma faca. Segundo o boletim de ocorrência da Polícia Militar, ele estava embriagado e os crimes teriam sido motivados por ciúmes. O réu ameaçou o vizinho de morte e depois se retirou da casa e seguiu em direção à sua residência, que fica no mesmo terreno, onde quebrou quase tudo que tinha no seu interior e ainda danificou o veículo da família que estava na garagem. 

Primeiro Valdair tentou matar a enteada, apertando seu pescoço e jogando-a ao chão. Em seguida, usando uma faca de cozinha, tentou esfaqueá-la nas costas e somente não a matou porque o irmão, também seu enteado, interveio em sua defesa. Nessa tentativa, o enteado acabou levando uma facada no braço.

Segundo apurado nas investigações, os irmãos teriam saído em defesa da mãe, esposa de Valdair, pois ele a havia trancado na residência e ameaçava matá-la. O réu teria tentado matar a companheira, que ele acreditava estar lhe traindo, a jogou no chão e desferiu golpes de faca em seu braço, tórax e abdômen, e só não consumou o homicídio por intervenção dos filhos da vítima.  

Edição n.º 1387

Compartilhar
PUBLICIDADE