Pesquisar
Close this search box.

Marista Lab: Como oferecer apoio emocional aos jovens?

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

Diante de situações extremas, como desastres naturais, pandemias e violência, é comum que jovens se sintam ansiosos, estressados e sobrecarregados emocionalmente. Nesses momentos, é importante que eles recebam apoio emocional adequado para lidar com o estresse e os desafios que estão enfrentando.

A família e a escola são essenciais para fornecer esse suporte e devem trabalhar juntos. De acordo com a coordenadora do Ensino Médio do Colégio Marista Sagrado Coração de Jesus, Rosângela Dambroski dos Santos, a escuta ativa e a empatia são ferramentas simples, mas muito importantes para gerar e fortalecer laços. “Muitas vezes, apenas o ato de desabafar com segurança e ser ouvido com atenção já ajuda quem está num momento de ansiedade ou nervosismo. Estar presente e dar apoio sem julgamento faz toda a diferença”, pondera.

Confira 5 dicas para dar apoio em momentos difíceis:

Esteja presente e ouça: muitas vezes, a simples presença e a disponibilidade para ouvir os jovens pode ser uma grande ajuda. Permita que eles se expressem e falem sobre seus sentimentos e preocupações.

Ofereça suporte prático: em alguns casos, os jovens podem precisar de ajuda prática, como providenciar comida, água ou um ambiente calmo. Esteja disposto a ajudar de forma prática.

Ajude-os a identificar emoções: muitas vezes, os jovens não sabem como identificar suas emoções e podem sentir-se confusos ou envergonhados. Ajude-os a identificar esses sentimentos e dê-lhes ferramentas para lidar com elas.

Encoraje a prática de atividades saudáveis: a prática de atividades físicas, meditação e outras atividades saudáveis pode ajudar a aliviar o estresse e a ansiedade.

Incentive a conexão social: o isolamento social pode piorar a saúde mental dos jovens. Incentive-os a manter contato com amigos e familiares, mesmo que seja por meio de chamadas de vídeo ou mensagens.

Edição n. 1360