Aos 90 anos, o idoso Aor Paulo de Almeida, morador do jardim Tupy, passa a maior parte do tempo no sofá. A esposa dele, Fátima, que também é idosa, tem 72 anos, está debilitada, e pede ajuda para conseguir para ele uma cadeira de rodas motorizada. Aor, que é militar aposentado, está sem andar há quatro anos, teve uma perna amputada, usa marcapasso, já sofreu um derrame e ainda tem Mal de Parkinson.

A locomoção se torna difícil, já que a esposa não tem tanta vitalidade para empurrar a cadeira. “Sempre que preciso sair com ele é uma luta, a cadeira é pesada demais, precisamos urgente de uma cadeira com motor, isso facilitaria muito a minha vida”, lamentou. Segundo ela, devido ao seu estado, ele também está depressivo porque já não pode sair tanto de casa.

Serviço

As pessoas que quiserem ajudar o Aor a conseguir uma cadeira de rodas motorizada podem entrar em contato pelos fones 3126-1021 e 99276-1056.

Texto: Maurenn Bernardo

Foto: divulgação

Publicado na edição 1198 – 06/02/2020

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

Compartilhe

Share on twitter
Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp