O erro de interpretação de algumas placas do Estacionamento Rotativo de Araucária, estaria gerando multas para os motoristas. Segundo eles, as placas indicando os horários de carga e descarga, não deixam claro que é proibido estacionar em determinados locais. Uma dessas placas fica na rua Rua Major Sezino Pereira de Souza, no Centro. “A placa é muito confusa, todo mundo entende o contrário dos agentes de trânsito e a multa vem sem dó. Os motoristas interpretam que nestes horários que consta na placa, é proibido estacionar veículos e que fora desses horários, o estacionamento está liberado. Acho que a prefeitura deve tomar uma providência urgente”, apontou um dos motoristas.

Ele ainda sugeriu que a informação dessas placas mais clara, ou que simplesmente os horários sejam apagados, para não gerar confusão. “Eu fui multado e da maneira que o guarda me disse, não há necessidade de colocarem esses horários. O estado deve fornecer informações claras ao cidadão, inclusive pelo fato de termos pessoas com poucos estudos, então a dificuldade para decifrar as regras se torna muito difícil. Vou recorrer dessa multa, mas me senti no dever de mostrar o problema para outros motoristas”, acrescentou.

O Departamento de Trânsito de Araucária informou que as placas das vagas de carga e descarga são regulamentadoras e estão de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro – CTB. “As placas regulamentam que naquele local é exclusivo para aquela finalidade, independente do horário, pois é explicito que apenas veículos acima daquela tonelagem podem fazer uso daquela vaga. Pesquisando e conversando com outros órgãos de trânsito, verificamos que as informações das placas são as mesmas, só mudam o formato e a forma de cobrança. Onde o estacionamento é pago, consta a informação de obrigatório o uso do cartão e a nossa é gratuito”, esclareceu o Departamento.

Foto – Marco Charneski

Texto: Maurenn Bernardo

VEJA TAMBÉM

Compartilhe