Tem que voltar

Importante a decisão da Secretaria Municipal de Educação (SMED) de manter a retomada das aulas presenciais para o próximo dia 2 de agosto. Embora a ação não vá alcançar toda a rede, é necessário iniciarmos esse processo de retomada na rede municipal de ensino. Afinal, lá se vão praticamente dois anos da suspensão das aulas presenciais, não sendo aceitável que já haja protocolos de retomada segura para toda e qualquer ação que possamos imaginar e não para as escolas municipais.

Apoio

A comunidade araucariense, aliás, precisa apoiar a decisão da SMED de iniciar a retomada e incentivar sua aceleração de forma segura. A Covid-19 é uma doença extremamente perigosa, mas já sabemos as maneiras de, com os devidos protocolos de biossegurança, diminuirmos seu contágio. Ao contrário dos malefícios da doença, porém, ainda não sabemos quais foram e são os prejuízos psicológicos, de desenvolvimento educacional e violação de direitos que nossas crianças e adolescentes tiveram e estão tendo trancados em suas casas, submetidos a um ensino remoto capenga e excludente. Esse impacto só poderá ser medido a partir do momento em que tirarmos os alunos das cavernas escuras educacionalmente que se tornaram suas casas.

Greve

Como não poderia deixar de ser, o sindicato que representa o magistério municipal trabalha com a possibilidade de greve caso a Secretaria Municipal de Educação insista com a retomada segura das aulas presenciais para alunos dos oitavos e nonos anos. É preciso pontuar que é legítima a ação da entidade. Afinal, ela existe para defender os interesses dos professores. Porém, como não há sindicato para defender os interesses dos alunos e de suas famílias, quem precisa fazer essa defesa é a coletividade. É a população preocupada com o desenvolvimento de seus jovens. Mais do que nunca toda a cidade precisa ser o sindicato da educação e defender a retomada segura! Sempre é bom destacarmos, aliás, que a retomada segura ao ensino presencial é defendida pela Organização das Nações Unidas (ONU). Ou seja, não estamos falando de uma birra desse ou daquele gestor para que as aulas voltem com os devidos protocolos.

Nova diretora

O prefeito Hissam Hussein Dehaini (Cidadania) manteve sua palavra de não colocar “estranhos” no ninho da Secretaria Municipal de Segurança Pública (SMSP). Após a confirmação de que o guarda municipal Antônio Edison dos Santos de Souza será o substituto de José Fortes Couceiro (também GM) no comando da SMSP, ele promoveu a guarda municipal Jaqueline Dias dos Santos ao posto de diretora geral da pasta. Será a primeira vez desde a instituição da Guarda Municipal e criação da Secretaria de Segurança Pública que uma mulher estará no primeiro escalão do órgão.

Desde 2011

Guarda municipal desde 2011, Dias é graduada em Segurança Pública, possuindo especialização na mesma área. Na GM, integrou o Grupo de Apoio Tático (GAT).

Pavimentação

A Prefeitura lançou esta semana o edital de mais uma grande obra de pavimentação na área rural. Trata-se da Rua Pedro Zielinski. O trecho a ser pavimentado é o compreendido entre as ruas Roque Durau e Augusto Borkowski, totalizando quase 3,1 quilômetros de extensão.

Agosto

A licitação da Pedro Zielinski será aberta em 25 de agosto, às 14. O preço máximo que a Prefeitura está disposta a pagar pelo serviço é de R$ 4,8 milhões. O asfalto a ser aplicado no local é o definitivo, incluindo toda a parte de escavação, reforço da base, sinalização viária e por aí vai. O prazo de execução da obra é de 300 dias. Se não houver problemas no certame é bem possível que vejamos essa obra sendo iniciada no último bimestre deste ano ou primeiro de 2022.

Educação

O presidente da Câmara, Celso Nicácio (PSD), confirmou ao prefeito Hissam Hussein Dehaini (Cidadania) que já nas próximas semanas o Poder Legislativo irá antecipar a devolução aos cofres da Prefeitura de R$ 6 milhões de seu orçamento. O dinheiro será destinado à Secretaria Municipal de Educação (SMED), que o utilizará para dar início à licitação de construção de mais uma escola municipal.

Nova Jacomel

Esses R$ 6 milhões serão utilizados para construção da nova Escola João Leopoldo Jacomel, no jardim Gralha Azul. Sem querer, a ação de Nicácio de antecipar a devolução do orçamento vai beneficiar justamente a comunidade onde está parte de sua base eleitoral, o bairro Costeira.

Ben Hur Filho assume o PP

O Partido Progressista (PP) também promoveu nos últimos dias uma série de mudanças em sua executiva municipal. O comando da comissão provisória foi trocado e uma série de novas forças políticas municipais foram trazidas à sigla.
A principal mudança foi a troca do comando do partido. Saiu Eduardo Tavares de Lira e entrou Ben Hur Custódio Filho, que como o próprio nome entrega é filho do vereador Ben Hur Custódio de Oliveira (Cidadania).
De acordo com Ben Hur Filho, as mudanças no PP se deram de forma consensual, tanto é que Dudu Tavares segue filiado ao partido e aceitou de bom grado as mexidas. “A ideia é fortalecermos o PP, levá-lo para mais próximo do eleitorado e prepará-lo para as próximas eleições”, pontuou o novo presidente da comissão provisória.
A passagem de bastão no PP foi referendada pelo presidente estadual do partido, deputado federal Ricardo Barros. Ele esteve em Araucária nos últimos dias para conversar com os progressistas e sacramentar as mudanças. Além de Ben Hur Filho na presidência, a nova comissão provisória tem Ryam Dehaini como vice-presidente.

Texto: Waldiclei Barboza

Publicado na edição 1272 – 29/07/2021

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

NOTAS POLÍTICAS

Rubens em Araucária O deputado federal Rubens Bueno e presidente estadual do Cidadania esteve em Araucária nesta segunda-feira, 4 de abril. A visita dele já

Compartilhe

Share on twitter
Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp