Pesquisar
Close this search box.

Notas Políticas: Nova secretaria

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

Um grupo de vereadores acaba de protocolar na Câmara um projeto de lei autorizando o Poder Executivo a criar a Secretaria Municipal Extraordinária de Assuntos Legislativos. Essa pasta seria uma espécie de ponte entre as demandas nascidas no Legislativo, mas que precisam ser operacionalizadas pelo Executivo.

Dois anos

Como estabelece a lei, essa pasta extraordinária teria duração inicial de dois anos. A proposta tem como autores os vereadores Ben Hur Custódio de Oliveira (Cidadania), Irineu Cantador (PSD) e Pedrinho da Gazeta (Cidadania).

Sem data

Embora exista a tendência de que o projeto seja levado a plenário já ao longo das próximas semanas, não há uma data certa para que isso aconteça. Uma vez aprovado, caberá ao prefeito Hissam sancionar a lei e posteriormente efetivar a implantação da pasta extraordinária.

Exonerações

O prefeito Hissam Hussein Dehaini decidiu exonerar Aline de Deus Dehaini e Ivete Romasko do quadro de cargos em comissão da Prefeitura. A exoneração de Aline aconteceu em 4 de maio e a de Ivete em 28 de abril. Embora sejam mães de filhos de Hissam, tecnicamente falando, ambas não têm qualquer parentesco com o prefeito. Mas ele teria optado pela exoneração para evitar questionamentos que conflitassem com o trabalho de sua administração.

Cultura

Com a saída de Marilene Rode da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (SMCT), quem acabou sendo escolhido para ficar à frente da pasta foi Jeferson Felipe Ophis. Ele está no comando da SMCT desde 4 de maio. A direção geral da pasta ficou a cargo de Alex Sandro Souza, que – antes de Marilene – era o secretário.

Casa de Passagem

A Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) locou um novo imóvel para servir como casa de passagem para aquelas pessoas em situação de rua que temos em nossa cidade. Hoje o espaço que recebe essas pessoas fica na esquina das ruas Coronel João Antônio Xavier com Major Sezino, no Centro. Com a mudança, a Casa de Passagem funcionará na rua Vereador Valentim Wolski, no bairro Porto Laranjeiras.

Cohab

A Companhia Municipal de Habitação de Araucária (Cohab) publicou esta semana o edital de licitação para construção de um condomínio de casas sobrepostas na região do Campina da Barra. Serão vinte unidades de interesse social edificadas na rua das Flores. O investimento previsto na obra é de R$ 3,4 milhões. O certame será aberto em 5 de junho.

UBS Rio Abaixinho

Três empreiteiras foram consideradas aptas pela Comissão de Licitações da Prefeitura para construir a nova Unidade Básica de Saúde Fazendinha, que fica na localidade rural do Rio Abaixinho. Ao longo dos próximos dias deve ser marcado a sessão para abertura dos envelopes com os valores propostos por cada uma dessas empresas para execução da obra. O máximo que a Prefeitura está disposta a pagar pelo serviço é R$ 4,4 milhões.

Mais milão

Os vereadores aprovaram na sessão plenária desta terça-feira, 9 de maio, uma emenda ao projeto de lei que havia sido enviado à Câmara para reajustar o valor do salário dos conselheiros tutelares de Araucária. Atualmente eles ganham R$ 5.180,75. Com o reajuste proposto pela Prefeitura esse valor iria para 5.782,00, que é quanto ganham os conselheiros de cidades como Curitiba e São José dos Pinhais. Porém, com a emenda proposta pela Câmara, o valor aprovado foi para R$ 6.700,00. Os edis que assinam o documento são Pedrinho da Gazeta, Ricardo Teixeira (PSDB), Vilson Cordeiro (UNIÃO) e Celso Nicácio (PSD). A proposta foi aprovada de forma unânime pelos parlamentares locais.

Sanção

Com o texto aprovado em duas votações pela Câmara, ele segue agora para sanção ou veto do chefe do Poder Executivo. Uma vez sancionado, os conselheiros começam a receber já o incremento salarial.

Completo

E na sessão desta semana todos os vereadores estiveram presentes ao plenário, com a imensa maioria deles fazendo uso da palavra.

Pouco caso

A parte inicial da sessão foi tomada pelos mais variados comentários dos edis. Entre estes esteve Valter Fernandes (Cidadania), que se disse chateado com o fato de várias de suas indicações não terem sido atendidas pelas secretarias municipais. Ele afirmou que constatou esse problema durante andanças que fez pela área rural da cidade.

Levantamento

Sobre a reclamação do vereador Valter o presidente da Câmara, Ben Hur Custódio de Oliveira (Cidadania), solicitou que ele encaminhasse quais seriam as indicações não atendidas na área rural. Até porque nunca uma gestão foi tão efetiva em investimentos no interior da cidade.

Carta branca

Ben Hur, inclusive, ressaltou que Hissam dá carta branca a todos os seus secretários, sendo que nenhum deles tem justificativa para não atender as demandas dos vereadores que tenham como interesse a melhoria da qualidade de vida da população.

Saúde

Boa parte da sessão, inclusive, foi utilizada pelos edis para falar sobre a situação da saúde em Araucária. Alguns voltaram a questionar a demora no atendimento nas unidades de pronto atendimento, tanto no Pronto Atendimento Infantil (PAI) quanto na Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Ben Hur, novamente, ressaltou que o trabalho que vem sendo realizado pela administração municipal é hercúleo, sendo que só na segunda-feira (8) foram atendidos na UPA mais de seiscentas pessoas.

De mudança

Outro ponto discutido na sessão foram as obras de reforma e ampliação do Unidade Básica de Saúde do Tupy. Os trabalhos no local foram iniciados na semana passada e isto obrigou a transferência de parte dos atendimentos para um imóvel improvisado. Faz uma semana que essa mudança aconteceu e como toda a mudança (ainda mais para uma sede temporária) essa também levará certo tempo para ficar mais ou menos (porque perfeito nunca vai ficar já que estamos falando de um local temporário). Apesar disso, teve edil que tentou denunciar em rede social as condições da sede provisória, muito embora já tivesse até conversado com a Secretaria de Saúde sobre esses problemas. Ben Hur, corretamente, chamou a atenção desse edil e pediu para que ele tenha mais cuidado com esses comentários, até para que possa passar para a população a informação mais correta possível.

Edição n. 1362