Novos radares em vias curitibanas exigem atenção de motoristas araucarienses

Radares exigem atenção redobrada de quem pretende ir para a capital. Foto: Marco Charneski
Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email
Novos radares em vias curitibanas exigem atenção de motoristas araucarienses
Radares exigem atenção redobrada de quem pretende ir para a capital. Foto: Marco Charneski

Motoristas de Araucária que costumam ir com frequência para Curitiba, devem ficar atentos ao novo padrão de velocidade que foi adotado em algumas vias de grande fluxo de veículos da capital. Muitas dessas vias, inclusive, estão na rota dos araucarienses. Com a transição, a velocidade máxima nessas vias passou a ser de 50 km/h. Com isso, radares de controle de velocidade foram instalados nas avenidas Visconde de Guarapuava, Silva Jardim e Presidente Kennedy, e nas ruas João Bettega, Desembargador Westphalen, Engenheiros Rebouças, Victor Ferreira do Amaral, Júlia da Costa, Princesa Izabel, Almirante Tamandaré, Ângelo Sampaio, João Negrão e XV de Novembro. O objetivo foi reduzir a gravidade dos acidentes e organizar o trânsito.

A gestão municipal disse ainda que o padrão segue uma tendência mundial e que deverá se estender para as demais ruas e avenidas. As exceções serão as vias rápidas. Segundo a Setran, a rua Professor Pedro Viriato Parigot de Souza e a Avenida Mascarenhas de Moraes continuarão com limite de 60 km/h. Para a Linha Verde e a Avenida Comendador Franco, a velocidade máxima segue como 70km/h.

Portanto, se você costuma utilizar algumas dessas vias curitibanas na sua rota, redobre a atenção para não cometer uma infração.

Texto: Maurenn Bernardo

Publicado na edição 1261 – 13/05/2021