Pesquisar
Close this search box.

Ocupantes do Palio que matou irmãos Rybinski confessam que estariam participando de racha

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

Os ocupantes do veículo Palio 1.8, de cor amarela, que causou o trágico acidente na noite deste sábado, 27 de fevereiro, no cruzamento da Avenida Archelau de Almeida Torres com a rua Capivari, no bairro Costeira, confessaram que naquele dia participavam de um “racha”.

O Palio atingiu em cheio o Fiat Strada, onde estavam os irmãos Carlos José Rybinski, 45 anos, e Moacir José Rybinski, 40 anos, que no momento retornavam de um serviço e seguiam para a casa do pai, a poucas quadras do local. Os dois morreram na hora.

O trio prestou depoimento nesta segunda-feira, 1º de março, no Hospital do Trabalhador, em Curitiba, onde estão internados com ferimentos graves, mas sem risco de morte. De acordo com o apurado por nossa reportagem, quem dirigia o veículo era Lucas Leonardo de Lima Ribeiro, 24 anos. Também estavam no veículo outras duas pessoas, identificados como Ivan da Silva e Alisson Gonçalves Boldori.

Ainda conforme apurado pelo O Popular, os três estavam numa festa e haviam consumido bebida alcoólica. Em determinado momento, eles decidiram sair para comprar mais bebida e Lucas quis ir dirigindo o Palio, que não era dele e sim de Alisson, que é seu sobrinho.

No depoimento, tanto Alisson quanto Ivan teriam dito que Lucas já saiu dirigindo em alta velocidade. Inclusive, teria furado um sinal vermelho bem antes do momento em que a colisão aconteceu. Os passageiros do Palio afirmaram que a todo tempo pediam para Lucas ir mais devagar, mas que ele não atendeu aos pedidos.

Eles disseram ainda que, em certa altura da Archelau, o veículo Cruze, de cor preta, emparelhou com o Palio e já iniciaram um racha, que só terminou com a colisão que matou os irmãos Rybinski.

Ocupantes do Cruze identificados

A equipe de investigação da DP também identificou o veículo da marca Cruze, de cor preta, que teria participado do racha. No carro estariam um casal de namorados. O rapaz dirigia e a namorada estava no banco do passageiro. O advogado de ambos já entrou em contato com a Delegacia e eles são esperados para depor ainda nesta segunda-feira.

Ocupantes do Palio que matou irmãos Rybinski confessam que estariam participando de racha

Lucas Leonardo de Lima Ribeiro, 24 anos, era quem dirigia o Palio