fbpx

A renda obtida com a venda das peças será usada para melhorar o atendimento às pacientes oncológicas assistidas pela entidade

A manhã desta quarta-feira, 27 de julho, foi especial para a ONG EVA Araucária, que atende pacientes oncológicas e também seus familiares. A entidade recebeu a visita de representantes do Instituto C&A, um braço social da rede de lojas, que reúne colaboradores voluntários que doam seu tempo e talento para promoverem iniciativas sociais em todo o Brasil. Eles vieram fechar uma parceria com a ONG, que a partir de agora irá receber a doação mensal de remessas de roupas que saem do lançamento ou possuem pequenos defeitos, e que não são mais vendidas nas lojas da rede.

“Através do projeto Moda para o Bem, vamos receber essas roupas, que são novas, durante um ano, e vender pela metade do valor da nota, gerando com isso, uma renda para investir nos trabalhos sociais da nossa ONG”, explicou a presidente Adry Ribeiro. Ela disse que o trabalho feito pela entidade já vinha sendo observado pela empresa e através de uma pesquisa feita entre os colaboradores da C&A, foi indicada para a parceria. “Esta foi a segunda remessa de roupas que recebemos e com certeza a venda das peças vai ajudar muito no atendimento das necessidades das nossas pacientes oncológicas”, festejou.

Durante a visita desta quarta-feira os representantes do Instituto da C&A ministraram cursos, ensinaram o pessoal que cuida do bazar a separar roupas por cores, tamanhos, etc, deram dicas importantes sobre moda, promoveram um bate-papo sobre beleza com as EVAs e ainda ofertaram alguns serviços de saúde. “Foi um dia inteiro de atividades e muito aprendizado na nossa ONG, que contou com a participação de cerca de 50 pacientes oncológicas e representantes da C&A. Estamos super felizes com essa parceria”, completou Adry.  

Texto: Maurenn Bernardo

VEJA TAMBÉM

Valdecir Santos visita prefeito Hissam

O pré-candidato a deputado estadual falou com o prefeito sobre bandeiras que pretende defender na Assembleia Legislativa O pré-candidato a deputado estadual Valdecir Santos esteve

Compartilhe