Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Vereador mudou de opinião após audiência
Vereador mudou de opinião após audiência

Um dos vereadores que, no ano passado, votou pela ampliação do número de cadeiras na Câmara de onze para quinze, Paulo Horácio (SD) mudou de opinião depois da audiência pública da semana passada. “A maior grandeza, na política, é a capacidade do político mudar sua opinião. É por isso, inclusive, que se exige dois turnos de votação. A decisão não pode ser pessoal (resolver um pro­blema meu) tampouco coletiva (resolver o problema de uma coletividade, como um partido político), há de ser defender o interesse público. Não resta dúvida que, neste caso específico, a voz da po­pulação é clara: não ao aumento do número de vereadores, não ao aumento dos subsídios, não para salários de assessores maiores que o do vereador”, ensinou.

O vereador, inclusive, já propôs um projeto de emenda à lei orgânica restabelecendo o número de cadeiras para onze. Para levar a proposta ao plenário, no entanto, ele precisa da assinatura de outros três edis. Até agora, além dele, apenas Esmael Padilha (PSL) e Clodoaldo Pinto Junior (PROS) se manifestaram contrários ao aumento das vagas.

Texto: Waldiclei Barboza / FOTO: MARCO CHARNESKI

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM