Polícia apreendeu drogas, arma, munições e todo o bagulho
Polícia apreendeu drogas, arma, munições e todo o bagulho

A casa caiu para uma facção de traficantes que vinha agindo na região central de Araucária. Foram três meses de investigação até que na tarde de sexta-feira, 29 de agosto, a Polícia Civil desmantelou o quartel general do bando, que funcionava na rua Antônio Kujawa, no Morro do Piolho, Centro da cidade.

O braço direito do chefão do ponto, Diego Veiga, 21 anos, que já tinha um mandado de prisão em aberto, foi preso no momento em que aguardava outros três traficantes no local onde eles dividiam a droga para os vapores, os quais faziam a venda na região da Praça da Matriz. Juntamente com Diego foram detidos mais dois vapores: Thiago Donizete Carlos, 24 anos e Victor Leonardo Mendes, 18 anos.

A polícia chegou até o bando após seguir o chefão, Felipe José da Silva, 23 anos, que conduzia um veículo Renault Sandero prata. Ainda durante a abordagem no QG, a polícia encontrou 110 pedras de crack e 10 gramas de cocaína dentro do veículo.

Após a prisão dos suspeitos, os policiais foram até a residência do líder do grupo, na rua Lourenço Jasiocha, no Centro, onde encontraram no seu guardarroupa mais 150 gramas de cocaína, 270 gramas de crack, uma pistola Taurus calibre .40 (de uso exclusivo das forcas policiais) com numeração de série suprimida contendo um carregador com 13 munições do mesmo calibre, cinco munições de revólver calibre 38, R$ 400,00 em dinheiro e o veículo Renault Sandero.

Segundo a polícia, Felipe fornecia a droga para Diego, que por sua vez se encarregava do repasse para os vapores. Após comercializadas, as drogas renderiam ao bando cerca de R$ 16.000,00. Com as prisões dos quatro integrantes do grupo, que vão responder por tráfico de drogas e porte de arma, a polícia acredita ter desarticulado grande parte da quadrilha de traficantes que vinham agindo na região central.

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

Compartilhe

Share on twitter
Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp