Projeto Baú das Artes proporciona novas descobertas, brincadeiras e aprendizado

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

Os estudantes de sete Escolas Municipais estão tendo acesso a uma ferramenta inovadora de aprendizado, o Baú das Artes, um móvel colorido e versátil que pode ser transformado em palco, biblioteca, exposição e o que mais a imaginação sugerir. Esse projeto é um dos vários que a empresa de Alimentos Mondelez está realizando em parceria com a Se­cretaria Municipal de Educação (SMED) e a Editora Evoluir.

O Baú das Artes tem a intenção de levar às crianças noções de como viver bem consigo mesmas, com os outros e com a natureza por meio das brincadeiras, jogos, teatro, livros, música e pintura. É dividido em diversas partes: as artes, o cantinho saudável, a parte de jardinagem, a estante musical, a biblioteca, os jogos e os brinquedos.

Na Escola Papa Paulo VI, no Dalla Torre, os alunos usam os jogos para criar histórias, trabalhando assim a imaginação e a oralidade. Já na Escola Municipal Senador Marcos Freire, no bairro Estação, os estudantes utilizam a ferramenta para enriquecer a prática pedagógica, por exemplo, com o uso de jogos para produção de textos. “É um material muito bom. Ele oferece estratégias simples e práticas para desenvolvermos com os alunos, favorecendo habilidades cognitivas fundamentais para aprendizagem em várias áreas do conhecimento”, explica a professora Marlene Brandão.

Esse móvel foi pensando para ser um importante apoio pedagógico ao professor, contribuindo com o desenvolvimento infantil em seus principais aspectos. É uma ferramenta inovadora e fascinante de educação e que ajuda também no processo de inclusão. “Eu consigo por diversas vezes utilizá­lo com o meu aluno incluso, pois os recursos disponibilizados tornam a aula ainda mais rica e interessante para ele”, disse Marlene.