fbpx
Projeto do Colégio Marista Sagrado Coração de Jesus foca na saúde emocional dos estudantes, O Popular do Paraná
Meditação ajuda os estudantes a se concentrarem melhor. Foto: divulgação

Trazer concentração e equilíbrio para crianças pode parecer desafiador, ainda mais em meio à pandemia, onde as aulas têm sido virtuais. Mas é justamente esse o foco do projeto Sagrados Sentimentos, que envolve alunos da educação infantil e ensino fundamental anos iniciais do Colégio Marista Sagrado Coração de Jesus, em Araucária. Eles participam de atividades simples como meditações, controle da respiração e conversas guiadas. “O objetivo é desenvolver o autoconhecimento e ensiná-los a lidar com emoções. Segundo a coordenadora das séries, Bárbara Cardoso, “os pequenos podem desenvolver desde cedo a percepção da riqueza da expressão simbólica, conhecer e desenvolver uma consciência corporal, identificar e expressar diferentes emoções e aprender a encontrar o silêncio e despertar um crescimento espiritual”.

O projeto foi criado antes da pandemia, como parte do currículo das crianças da educação infantil e ensino fundamental anos iniciais. No entanto, se encaixou perfeitamente ao momento em que os jovens estudantes estão vivendo. “Tem sido muito significativo. As atividades e esses momentos trazem equilíbrio para as emoções e sentimentos das crianças. Nossos encontros online são repletos de acolhimento e escuta”, define a professora Fernanda Santos, responsável pelas práticas.

As atividades duram entre 10 a 15 minutos diários para as crianças da educação infantil e uma hora/aula por semana para as turmas do ensino fundamental anos iniciais. O projeto foi criado a partir da 8ª competência da Base Nacional Comum Curricular (BNCC): Cuidado e Autoconhecimento, que tem como objetivo cuidar da saúde física e emocional das crianças. Ela relata uma das atividades que vem sendo feitas dentro do projeto. “A família se reúne em um local aconchegante da casa. Todos sentam-se de maneira confortável. O adulto coloca uma música calma. Fazendo a respiração consciente, de olhos fechados, um de cada vez, fala em voz alta, um motivo por qual é grato neste dia. Por exemplo: pela vida, pela saúde, por estarem reunidos. Podem falar várias vezes enquanto a música vai tocando. Depois, em uma mesma folha de sulfite, todos fazem o registro desse momento, seja por desenho, frases, palavras, carimbo de mão. Da forma que sentir, para representar esse momento”.

Texto: Maurenn Bernardo

Publicado na edição 1237 – 05/11/2020

VEJA TAMBÉM

Final de semana promete frio e geada

Quem gosta de um friozinho poderá aproveitar o final de semana do jeitinho que planeja. Nesta sexta-feira o dia amanhece com 3ºC e tem a

Compartilhe