Moradores de Araucária estão na bronca com a Copel. Eles reclamam das constantes quedas de energia, fato que tem causado prejuízos, e afirmam ainda que a situação ocorre em diferentes regiões da cidade e várias vezes ao dia. As reclamações que chegaram à redação do Jornal O Popular são de moradores da região central e de bairros como o Passaúna, Vila Nova, Cachoeira, Costeira e Fazenda Velha. Houve relatos de demora excessiva no restabelecimento, em alguns casos ultrapassando duas horas.

“Todo dia a luz fica oscilando, a gente nunca sabe se vai apagar de vez ou vai ficar só na ameaça. Haja paciência com a conta cada vez mais cara e o serviço da Copel cada vez pior”, disse um dos moradores.

Outro reclamante alegou que já teve prejuízos com aparelhos queimados devido à falha no fornecimento. “A Copel não dá uma explicação plausível pra isso, é sempre a mesma lenga-lenga, dizem que vão resolver e passa um tempo, começa tudo de novo”.

Sobre os desligamentos de energia recentes em Araucária, a Copel esclareceu que foram causados por eventos isolados na rede de energia, sem relação direta entre si. Disse que no dia 1º de junho, em decorrência das fortes chuvas que assolaram a região, um equipamento de proteção da subestação localizada no Município foi acionado, ocasionando desligamento de energia em diferentes bairros, e exigindo que as equipes da Copel realizassem uma manobra para restabelecer o fornecimento de energia. 

Após identificar acúmulo de água em um dos equipamentos, as equipes da Copel solucionaram o problema e precisaram fazer um novo desligamento rápido, já na madrugada do dia 2, para reconfigurar o sistema da unidade.

No dia 5, a batida de um veículo em uma estrutura da linha Araucária – Contenda causou o rompimento de cabos e outros desligamentos em sua consequência, ampliando a dimensão do abalroamento de forma isolada. Ao afetar a subestação, esses problemas causaram desligamentos que afetaram diversas regiões da cidade. A eles se somaram situações pontuais No dia 6, a queda de uma árvore sobre a rede provocou falta de energia em parte da região de Araucária, ou seja, não foi tão amplo como os eventos dos dias 1 e 5.  A Copel disse ainda que em todas as situações, as equipes da companhia foram mobilizadas para restabelecer a energia o mais rápido possível, bem como, estão sendo realizadas análises e estudos para evitar as reincidências por mesma causa.

Foto – Emanoel dos Santos

Texto: Maurenn Bernardo

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

A ética dos propagadores de fake news

O título desta crônica é provocativo, pois vivemos num tempo onde cada um é induzido a acreditar na sua fake news de preferência através da

Casa Bem Acabada

Iéste negócio da gente se meter a rabequista das véis dando o maior dos problema!! Sobrinha Roseli se achegando com cara cheia de felicidade contanto

Compartilhe