Semana contou com programação diversificada, que movimentou a cidade. Foto: Paola Koenig

A Semana Municipal de Capoeira, organizada pela Escola e Centro de Treinamento Capoeira Show, entre os dias 2 e 7 de março, foi marcada pela participação ativa, interação, troca de conhecimento e muito aprendizado. Na abertura do dia 2, a aula infantil com o professor Lagartixa Muzenna, de Pinhais, foi repleta de brincadeiras e diversão, e a aula para os adultos e graduados, ministrada pelo instrutor Coelho, do Grupo CDO, de Almirante Tamandaré, contou com atividades de movimentação, esquivas e floreios. “A movimentação gerou até uma coreografia e parecia que todos tinham ensaiado muito aquilo, porque a sintonia foi perfeita”, disse o contramestre Canarinho.

No dia 3 a Semana foi para a Praça da Bíblia, com os mestres Baiano Uganda e Spock Ile de Bamba, chamando a galera para a movimentação. Teve tanta musicalidade e roda que parecia um grande show. No dia 4 foi a vez de receber os convidados para o bate papo “papoeira”. Nesse mesmo dia, no Teatro da Praça, teve aula de movimentação e sequência com o mestre Messias, do Rio de Janeiro. “A aula surpreendeu as expectativas de todos, pela forma de conduzir e a didática do Mestre Carioca”, comentou Canarinho.

Em seguida foi realizada a formatura dos estagiários Flávio, Gabrielle e Lurielly. “Foi um momento de muita emoção, pois todos estão na capoeira há mais de 12 anos, têm formação acadêmica ou técnica e trabalham na área. Eles contaram suas histórias de vida. Estão seguindo meus passos; sinto muito orgulho deles”, comemorou o contramestre.

Na manhã do dia 5 aconteceu a gravação do CD “Por mais capoeira” na Escola e CT Costeira, misturando ritmos, musicalidade e vozes de cantadores de várias regiões do Brasil. Na tarde deste mesmo dia ocorreram oficinas no Parque Cachoeira, com o mestre Lito, de Colorado, no Paraná e o contramestre Barata, de João Pessoa, na Paraíba. E à noite, o momento mais esperado da Semana, o lançamento do Tênis Por Mais Capoeira, foi um sucesso. “Contamos com apresentações da equipe Capoeira Show e de convidados, participações especiais, além de show de acrobacias e saltos e de musicalidade. Fiz também uma homenagem para a Daniele do Vale Lemos, minha namorada e mãe de Anthony, nosso filho. Coloquei de fundo a música Ciclo da Vida, do filme Rei Leão, e o levantei para a plateia. Foi um momento de muitos aplausos e emoção. Depois cantamos a música “Mundo Perfeito” e eu joguei capoeira com a minha namorada e nosso filho estava no meu colo. Apresentei a todos a minha família de sangue, a qual devo muito do que sou e ainda agradeci a todos que apoiam a capoeira como parte do desenvolvimento cultural no Município”, explicou.

No dia 6 teve continuidade da gravação do CD, com participações dos alunos do CT e ainda o Ginga Mulher, que lotou a quadra. “Finalizamos com roda no campo e gravação das alturas com um drone. Muitos espectadores acompanharam as apresentações. E no dia 7 encerramos a Semana de Capoeira na Escola e CT, com muitos agradecimentos e lembrança dos principais momentos do evento. Ainda estou anestesiado com tudo que rolou, e assimilando os momentos de aprendizado, emoção e alegria”, festejou o contramestre.

Texto: Maurenn Bernardo

Publicado na edição 1302 – 10/03/2022

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

Pablo Rosales é campeão brasileiro de jiu jitsu

O araucariense Pablo Rosales, 15 anos, aluno do colégio metropolitana, se consagrou campeão no Campeonato Brasileiro de Jiu Jitsu, organizado pela Confederação Brasileira (CBJJ). O

Compartilhe

Share on twitter
Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp