Arqueiros do grupo Arauqüeras deram um show e conquistaram várias premiações no CarnaFênix. Foto: divulgação

A Field Brasil tem um circuito nacional que atende pelo nome de Circuito Field. Trata-se de um conjunto de 3 provas Field Round / Hunter Round / Animal Round, que são disputadas uma em cada dia, sendo que em cada uma os arqueiros disparam 112 flechas em alvos circulares a distâncias que variam de 10 a 70 metros, distribuídos em 28 estações de tiro. As provas exigem muita preparação física, pois possuem duração média de 6 horas, com uma caminhada de 10 quilômetros.

Este ano o evento coincidiu com a data do Carnaval e por isso foi batizado de CarnaFênix, já que o Polo organizador foi o Fênix de Campo Largo, cuja sede fica na chácara dos irmãos Kroetz. Participaram 40 arqueiros das cidades de Matinhos, Ponta Grossa, Curitiba, Araucária e São Paulo. Distribuídos em nove patrulhas eles aguentaram os três dias com muita energia. Um almoço foi oferecido diariamente, onde todos puderam fazer suas observações sobre as dificuldades das provas, além de se confraternizarem entre si.

Os arqueiros do grupo Arauqüeras estiveram em peso no evento, com 10 participantes. Os destaques foram as arqueiras Claudete Alberti, campeã na categoria VFBHR e os dois recordes batidos e a arqueira Tina Riter, que foi campeã da categoria VFTR com um recorde batido.

Texto: Maurenn Bernardo

Publicado na edição 1301 – 03/03/2022

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

Compartilhe

Share on twitter
Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp