Atleta araucariense de paravôlei tem chances de ir para Tóquio | O Popular do Paraná
Compartilhe esta notícia:
Alex está na expectativa de conseguir uma das vagas para a seleção brasileira. Foto: divulgação

O atleta araucariense Alex Witkoski foi convidado mais uma vez para a fase de treinamentos da Seleção Brasileira de Vôlei Sentado. Ele já havia sido convocado no ano passado, mas por conta da pandemia do coronavírus, todos os treinos e campeonatos foram suspensos. Nesse ano, mesmo com os problemas do vírus, foi possível retomar os treinos, porém, com todos os cuidados e precauções necessários.

Alex está na primeira semana de treinamentos, realizados em Aracaju (Sergipe), que marcam o início da preparação para os Jogos Paraolímpicos de Tóquio. “Meu foco inicial este ano, além de me dedicar ao máximo nos treinos da seleção, é conseguir minha classificação funcional internacional. Com ela estarei apto a participar das paraolimpíadas”, disse o atleta.

Segundo ele, 2020 foi um ano bastante conturbado, mesmo assim, ele conseguiu conquistas importantes para sua carreira pessoal. Foi eleito representante de atletas da região sul do país da Confederação Brasileira de Voleibol para deficientes e fechou seu primeiro patrocínio e parceria com a loja Bull Suplementos. “Eles me disponibilizam os suplementos necessários na rotina dos treinos e tudo que preciso. Agora pretendo me dedicar ao máximo nos treinos e quem sabe conseguir estar entre os 12 atletas que irão a Tóquio em busca do ouro inédito na nossa modalidade”, comentou Alex.

Texto: Maurenn Bernardo

Publicado na edição 1245 – 21/01/2021

Compartilhe esta notícia:


Aproveite, cadastre seu email para receber novidades!

, , , ,