Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Quando iéu vindo de manhazinha pra capital pelo contorno leste, Pra fazer entrega de toicinho fresco da encomenda, dexando Monza estacionando na marginal e atravessando pro outro lado a pé com as sacola na mon. Poblema que quando se achegando tendo que esperar mais de uma hora pra entrega.

Mais quando foi atravessar de novo pra pegar o Monza, Desgracéra Mesmo!!! começando o movimento no contorno. Um movimento desgraçado de caminhon, altomóve, lambreta, que non parando mais, já tava uma meia hora nas tentativa e non dava folga nenhuma pra passar pro outro lado.

Quando ponhava pé no asfalto pra travessia só iscuitava as buzina e os motorista ponhando cabeça pra fora falando umas coisa que ieu nem podendo falar aqui pra evitar problema de censura.

Uns camarada mais rapinho ainda conseguiam atravessar, mais iéu, velho, enxergando mal, desajeitado, nem por milagre que conseguindo.

Nisso se achegando um destes guarda municipal preguntando se querendo ajuda pra atravessar, Ieu falando que percizando, que estando com medo se virar presunto debaxo das roda dos caminhon, enton guarda dizendo que podendo ajudar, mais cobrando cinquentón!!! Desgracéra Mésmo!!! Imagina se iéu indo pagar cinquenton pra atravessar a rua?? Iéu falando enton que non precisando, vai tentar atravessar na raça mesmo. Enton Guarda dizendo que se mudar de idéia é só chamar.

Passado mais uma meia hora, se achega perto do iéu uma moça drento de uma vestidinho vermelho apertadinho, ton curtinnho que até poco de bunda aparecendo. Cara pintada como dia de casamento, cabelo solto com vento batendo, uma bolsinha na tiracolo, uns salto fininho, cherando leite-de-rosa.

Foi se Achegando, foi se achegando, começando a zoiar pra iéu e ieu zoiando pra iéla. Começando a passar língua nos lábio e dar piscada. confessando, até umas parte do corpo dando sinal de vida. Quando estando bem pertinho iela sussurrando nos meus zovido bem ansim: Enton? Vamos?

Enton iéu preguntando: Quanto a senhora Cobra?? Iéla dizendo: 200 Reais!! Duzentos Reais? Tudo iésto?? Sendo ansim ieu perferindo ir com o Guarda que cobrando só cinquentón pra ajudar a atravessar a rua!!!!

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

Salmo 124

Iéu indo pra cidade com meu Monza cor de Bosta Fresca de Vaca Malhada quando

Agrado pros Guardas

Toda véis que iéu indo pra cidade, iéu parando no Posto dos Guarda na rodovia,

Torresmo

Iéu achando que só existem dois tipo de pessoa no mundo: Os que gostam de

A volta da sobrinha

Iéu recebendo Zap Zap da sobrinha Helena que querendo vir aqui em casa pro almoço

Cobrando as Contas

Augusto sempre sendo um camarada direito, por mais que tendo arrumado uma namorada na cidade

Pneu furado

Bem quando ieu estando na rodovia com o Monza, sentiu uma trepidaçón no volante, caro

Degustação

Iéu veio de manhãzinha pra cidade pra fazer umas entrega de pierogi pras freguesa da