Compartilhe esta notícia

O “trap”, um subgênero vindo do rap, vem tomando o Brasil e conquistando diversos artistas. Há dois anos trabalhando na música, Felipe Natan, de 19 anos, é mais um representante do estilo originado do sul dos Estados Unidos no município. O cantor lançou recentemente nas plataformas digitais um álbum com seis faixas inéditas, compostas e produzidas por ele mesmo. Em busca de um sonho, que é proporcionar à sua mãe uma vida mais confortável através da música, “F7LIPP”, como é conhecido, aprendeu tudo que sabe sobre o mundo musical sozinho. “Estou sempre procurando aprender coisas novas e melhorar”, explica o rapaz.

Apesar das dificuldades, o morador do Capela Velha, está batalhando por seus objetivos, focado no crescimento do “trap” no mundo. Além da mixtape de seis faixas, Felipe conta com canções registradas nas principais plataformas de streaming, como Spotify, Dezeer e YouTube. “Cada música fala sobre alguma coisa que vivi, sobre minha vida”, conta.

Conheça mais sobre o trabalho do Felipe nas suas redes sociais, onde o próprio atualiza frequentemente os seguidores sobre as novidades. No Instagram é @ f7lipp_, no Facebook Felipe Natan e no YouTube o canal do cantor é o F7LIPP.

Texto: Maurenn Bernardo

Publicado na edição 1243 – 17/12/2020

Compartilhe esta notícia