Mais quatro escapam da cadeia | O Popular do Paraná
Compartilhe esta notícia:

Acarceragem que fica anexa à Delegacia de Araucária registrou a segunda fuga de presos ocorrida no prazo de seis dias. Na noite de quarta-feira, 1º de outubro, por volta das 23 horas, quatro detentos arrancaram a grande da janela, quebraram alguns tijolos de vidro e deram no pé através da cozinha.

Os fugitivos são: Jeferson Rodrigo Machado (Jefinho), 25 anos; Denílson Mudrek Hass, 28 anos; Brenddon César Casimiro Teixeira, 18 anos e Samai Faria Rezende, 20 anos. O preso Anderson dos Santos Sobral, 26 anos, que tinha fugido da carceragem no domingo, 28 de setembro, e foi recapturado na terça-feira, 30 de setembro, tentou fugir novamente, mas em uma ação rápida dos investigadores de plantão, foi pego ainda na porta da DP. Bruno Henrique Oliveira, 21 anos, morador da Caximba, em Curitiba, que também fugiu no domingo, dia 28, segue foragido.

Cadeia vazia

Após esta segunda fuga de presos, a carceragem da DP está passando por uma pequena reforma. Enquanto isso, os 11 detentos que restaram foram transferidos, temporariamente, para o Centro Integrado de Segurança (CIS), em Curitiba.

site
Os delitos dos fujões

Jeferson Rodrigo Machado, o Jefinho, tinha acabado de ser preso. Na quarta-feira, 1º de outubro, por volta de 1h49, a Polícia Militar atendeu uma denúncia anônima de que havia um fugitivo da justiça na rua das Camélias, no bairro Campina da Barra. Jefinho foi detido e tentou se passar por outra pessoa, entregando aos policiais a carteira de habilitação em nome de Luiz Gustavo da Silva. Descoberto, ele tentou reagir à prisão e os PMS precisaram usar de força para contê-lo e levá-lo para a Delegacia, onde seria cumprido o mandado de prisão em seu desfavor.

Denílson Mudrek Hass, 28 anos, também era inquilino recente da carceragem. Ele foi detido na tarde de terça-feira, 30 de setembro, por volta das 13 horas, durante um patrulhamento da PM na avenida Nossa Senhora dos Remédios. Ele dirigia um Gol placas ATT 9922, que tinha sido roubado na manhã daquele mesmo dia, no jardim São Francisco, em alta velocidade.

Denílson tentou fugir da abordagem policial, mas não teve sorte: foi preso e a PM descobriu que ele cumpria pena na PCE por furto, receptação e roubo, e se aproveitou do beneficio concedido pela justiça de passar os finais de semana em sua residência, para roubar novamente.

O fugitivo Brenddon Cesar Casemiro Teixeira, 18 anos, foi preso no dia 8 de setembro pela Guarda Municipal em um patrulhamento pela rua João Pianoski, no bairro Costeira. Ele estava em um Fiat Palio, placas AIR 4891, juntamente com outro sujeito, quando foi abordado e constatou-se que o carro tinha alerta de furto do dia 6 de setembro, em Curitiba. Brenddon foi conduzido à DP e só ficou detido porque possuía um mandado de prisão aberto em seu desfavor pelo art. 33 (tráfico de drogas).

A situação de Samai Faria Rezende, 20 anos, é a mais irônica. Ele foi preso na madrugada do dia 28 de setembro, durante patrulhamento da PM na avenida Centenário. Ele conduzia um veículo Gol preto, placas ATC 1914, de Rio Branco do Sul, que estava com alerta de furto. Tentou fugir da abordagem, mas o carro apresentou problemas mecânicos e ele acabou sendo detido.

Na Delegacia, contou uma historinha para a polícia de que havia pegado o carro emprestado por algumas horas de um colega, e logo devolveria. O tal colega acionou o alerta de furto, mas não quis registrar boletim de ocorrência sobre o fato. Samai teve fiança arbitrada e, apesar de não ter pago, provavelmente seria liberado nos próximos dias mediante alvará de soltura. Com a fuga, sua situação perante a lei se complicou.

Texto: Maurenn Bernardo / Fotos: Polícia Civil

Compartilhe esta notícia:


Aproveite, cadastre seu email para receber novidades!

, ,