Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Prefeitura explicou que o ponto sem abrigo só é utilizado para desembarque de passageiros. Foto: Marco Charneski

Uma moradora da rua Silvio Cantele, esquina com a rua Beija Flor, no jardim Arvoredo, está cobrando da Prefeitura a instalação de cobertura em um ponto de ônibus. De acordo com ela, todos as demais paradas têm a casinha para proteger os passageiros do sol e da chuva, exceto essa. “Moro no bairro há 20 anos e por isso me sinto no direito de cobrar algumas melhorias. Por que somente esse ponto está sem cobertura? Por conta disso, as pessoas costumam aguardar o ônibus em frente aos portões das casas, o que é uma situação extremamente perigosa, pois muitas vezes estamos saindo de carro e não temos visão delas, aumentando o risco de promover um acidente”, disse.

Sobre o pedido da moradora, a Superintendência de Transporte Coletivo de Araucária explicou que este ponto de ônibus se trata de uma parada exclusiva de desembarque e, no momento, não há previsão de abrigo. O departamento explicou ainda, que todos os pontos da referida rua, onde as pessoas aguardam ônibus, contam com abrigos.

Texto: Maurenn Bernardo

Publicado na edição 1228 – 03/09/2020

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM