Cansados de esperar pela construção de um trevo, rotatória ou trincheira no km 160 da Rodovia do Xisto BR 476, onde fica o acesso a área rural de Campo Redondo, moradores da região resolveram agir. No próximo sábado, 14 de março, às 9 horas, eles farão um ato pacífico no local, para cobrar uma resposta das autoridades. “Já perdemos a paciência, não aguentamos mais tantas justificativas. Até quando vamos perder vidas e virar estatística? Queremos mais segurança na rodovia, já estamos fartos de ver tantos acidentes ocorrerem aqui e ninguém fazer nada”, lamentou um morador.

O vereador Fábio Alceu, que acompanha a luta enfrentada pelos moradores desde o começo, disse que é natural que a paciência tenha se esgotado, uma vez que todas as reuniões, discussões e pedidos feitos até agora, não surtiram efeito nenhum. “Foram muitas justificativas dos órgãos responsáveis com relação a elaboração de projeto e liberação de recursos, muitas promessas em vão. Os moradores então se mobilizaram e farão este protesto pacífico, na tentativa de sensibilizar as autoridades, para que seja apresentada uma solução definitiva com relação a falta de segurança que são obrigados a conviver diariamente”, pontuou.

Em setembro do ano passado, na última reunião que participou na Secretaria Estadual de Infraestrutura, o vereador Fabio Alceu trouxe uma resposta que acalentou os moradores. A Caminhos do Paraná, concessionária que administra o trecho, havia se comprometido em elaborar um projeto, dentro do que fosse mais viável construir naquele acesso – rotatória, trevo alemão ou trincheira e apresentaria os estudos para o governo do estado, para posterior aprovação e busca de recursos. Mas de lá para cá, as conversas não evoluíram.

Texto: Maurenn Bernardo

Foto: Marco Charneski

Publicado na edição 1203 – 12/03/2020

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

Compartilhe

Share on twitter
Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp