Terezinha Poly: A primeira usina elétrica de Araucária

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

O ano era 1907, Araucária ainda era uma cidade calma, pacata e em formação, e nos primeiros anos do século XX a Família Druszcz, através do Senhor Pedro Druszcz, trazia para nossa cidade a primeira estação geradora de energia elétrica onde até então os lampiões a querosene era a luz mais forte que havia para clarear as noites.

Eram poucos funcionários, mas o serviço era muito, em primeiro lugar a energia elétrica exigia grande esforço dos homens que precisavam também apresentar a necessidade da instalação de tais serviços, haja visto que Araucária foi pioneira na implantação da energia elétrica. A construção vista nesta foto, era a primeira usina elétrica de Araucária, sua localização era na Rua Dr. Victor do Amaral, e, para citar localização atual, na esquina com a Rua Paulo Alves Pinto, mas no início do século passado havia apenas a Rua Dr. Victor do Amaral e o personagem cujo nome é da rua lateral ainda era vivo e talvez ainda criança, mas aqui vamos retratar esse prédio.

Até a década de 30, a Força e Luz utilizou esse espaço, mais tarde, ainda nos anos 30 a Usina foi transferida para responsabilidade do Estado do Paraná e os geradores passaram a funcionar na Rua Benjamin Constant próximo às Pontes Metálicas reinaugurada com o nome de Usina São Sebastião, no endereço da Rua Dr. Victor do Amaral o Dr. Amur Ferreira transformava o local do Posto Central de Saúde, ou como ficou conhecido O POSTÃO, ali eram fornecidas todas as vacinas, havia equipes de plantão e medicamentos disponíveis para toda a cidade, na década de 90 o Prefeito Albanor José Ferreira Gomes – Zezé, alterou para Centro de Saúde Araucária, onde foi dado prioridade para a prevenção de doenças femininas, pois os Bairros começavam a receber um número maior de Postos de Saúde.\

Atualmente, a esquina das Ruas Dr. Victor do Amaral com Paulo Alves Pinto é a Sede do Arquivo Histórico Archelau de Almeida Torres, mantem as linhas de sua construção preservadas e uma nova modalidade de serviços. Quanto aos serviços de energia elétrica, depois da Usina próxima as pontes metálicas, recebeu um novo endereço e diversas torres de transmissão na Rodovia do Xisto Bairro Estação. Embora poucos falem e talvez lembrem, foi o Sr. Pedro Druszcz o primeiro a trazer e trabalhar com uma nova energia do século XX a eletricidade, merece ser lembrado, homenageado e respeitado por seus grandes serviços prestado em Araucária.

Nota de retratação

Na semana passada ao redigir a lembrança sobre OS FERREIROS onde relatei sobre os últimos profissionais da área no centro da cidade, eu TEREZINHA POLY cometi o grave erro em citar o nome do SR. FRANCISCO IAREK como de saudosa memória. Tal erro ocorreu em face de não ter checado informações recebidas. Quero pedir desculpas em primeiro lugar ao Senhor Francisco que graças à Deus encontra-se saudável e aproveitando sua aposentadoria com seus 86 anos de idade e bem vivo, aqui está a foto que sua filha Eva Vera Druszcz me enviou. Peço desculpas à Família Iarek se causei constrangimento e aos leitores desta coluna pela informação errada que postei embora sem intenção de ofender ou magoar a qualquer pessoa. E assim esperando que tal fato não venha abalar a credibilidade do Jornal ou que as postagens venham a cair na descrença mais uma vez peço desculpas.

Terezinha Poly: A primeira usina elétrica de Araucária

Edição n. 1354

Compartilhar
PUBLICIDADE