Ricardo Teixeira ultrapassa barreira das 2 mil matérias apresentadas à Câmara

Imagem de destaque - Ricardo Teixeira ultrapassa barreira das 2 mil matérias apresentadas à Câmara
Foto: Divulgação
Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

O vereador Ricardo Teixeira (Republicanos) divulgou na semana passada que, em 3 anos e meio de mandato, já submeteu ao plenário da Câmara mais de duas mil proposições. Ele é o primeiro edil desta legislatura a superar a marca.

Do total de matérias apresentadas, 3 foram de emendas à lei orgânica, 283 foram projetos de lei, 197 foram requerimentos, 1 452 trata-se de indicações, 40 foram moções e 25 versaram sobre emendas modificativas.

“Estou muito orgulhoso da produtividade do meu gabinete. Todas essas matérias são reflexo de algum tipo de demanda da nossa comunidade”, pontuou o vereador.

Ainda de acordo com Ricardo, desde o início de seu mandato, ele procurou fazer de seu gabinete uma extensão da casa das pessoas. “O nosso gabinete está sempre aberto a população e dentro das possibilidades de atuação legislativa temos feito o possível para entregar ao cidadão um mandato participativo e resolutivo”, analisou.

O edil destacou ainda que as proposições apresentadas são apenas uma parte do trabalho de seu gabinete. “Temos uma produção legislativa muito alta, mas o nosso mandato não se resume a isso. Diariamente eu e minha equipe participamos das mais variadas reuniões, nos mais variados setores da administração pública, tudo para que a comunidade esteja muito bem representada pelo meu mandato”, afirmou.

Atuação

Na Câmara, Ricardo também integra a Comissão de Finanças e Orçamento (CFO) e preside a Comissão de Saúde e Meio Ambiente (CSMA). “Como membro da base de apoio do prefeito Hissam na Câmara tenho voltado meu mandato ao desenvolvimento desta cidade, não me furtando a defender e votar em matérias tidas como polêmicas junto a certos segmentos de nossa cidade. Só tenho a agradecer aos 1.231 votos que recebi na eleição passada e que me possibilitaram representar toda a cidade de Araucária na Câmara”, finalizou.

Edição n.º 1422