Procon-PR orienta os pais para que fiquem atentos quanto à segurança de seus filhos

A volta às aulas acaba trazendo uma preocupação para muitos pais: é a hora de contratar o serviço de transporte escolar. Para isso, o Procon-PR está orientando os consumidores para que fiquem atentos tanto aos termos do contrato quanto à segurança de seus filhos.

Segundo o órgão, o contrato deve conter tudo que foi combinado entre as partes: identificação, telefone, período de vigência, horários, data e forma de pagamento, índice de reajuste, percentual de multa, condições para rescisão e se o serviço é cobrado durante os meses de férias ou se pode ser prestado fora dos meses normais, no caso de recuperação do aluno.

O Procon aconselha aos pais anotar o nome e telefone do motorista, que ensinem seus filhos a colocar o cinto de segurança e que eles permaneçam sentados enquanto o veículo estiver em movimento. Não brincar nas janelas, não conversar com motorista no trânsito, respeitar o monitor e ainda, incentivar o hábito de conversar sobre o que acontece durante o trajeto escolar são outras recomendações.

Araucária
Sobre o serviço de transporte escolar no município, a Prefeitura ofertará as mesmas linhas já organizadas no ano de 2006. Além disso, a Secretaria Municipal de Educação – SMED, atende gratuitamente aos alunos das Escolas Especiais que não têm condições de se deslocar.

E para os alunos que ainda não conseguiram vagas nas escolas próximas à sua residência, o município oferece transporte escolar gratuito e o subsidiado. Qualquer dúvida os interessados devem procurar o Setor de Transporte Escolar na Sede da SMED, no horário das 9h às 12h e das 13h30 às 16h30.

VEJA TAMBÉM

Compartilhe