Executam garoto no portão de casa

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

Victor Amaral

Executam garoto no portão de casa
Bandidos mataram adolescente de 15 anos com três tiros na cabeça

O garupa de uma motocicleta de cor escura assassinou um adolescente de 15 anos, em frente à casa dele, na noite de domingo, dia 27. Conforme apurado pela Polícia Civil, o irmão mais velho da vítima, de 17 anos, estava conversando com amigos na rua. Os bandidos na moto se aproximaram do grupo e disseram que precisavam falar com o de 15 e ameaçaram o de 17 com uma arma de fogo. Segurando-o pelo braço e dando coronhadas na cabeça dele, os bandidos o forçaram a indicar onde estava o irmão.
Na frente da residência, o garupa teria chamado o de 15 pelo nome, e ele teria deixado o que estava fazendo para ir atender ao portão. Ao ver o irmão ferido, teria perguntado porque haviam batido na cabeça dele. Sem dar resposta, o garupa teria atirado várias vezes em direção à cabeça do de 15, até ele cair morto. Nisso, o de 17 correu para se esconder em uma casa próxima e, em seguida, os bandidos fugiram. Uma equipe do Siate constatou o óbito do de 15, prestou os primeiros atendimentos ao de 17 e o encaminhou para o PS do NIS III.
Policiais militares da 2ª Companhia do 17º Batalhão isolaram a área do crime até a chegada da Criminalística e do IML. Segundo a Polícia Civil, há informações de que o de 15 era usuário de droga e estava devendo para traficante. De acordo com o titular da Delegacia de Polícia Civil, Rubens Recalcatti, ele já havia sido apreendido em março com 15 pedras de crack e uma bucha de maconha, e em maio por roubo de aparelhos celulares.