Passados três meses desde que o jornal O POPULAR publicou uma reportagem sobre uma cratera aberta no asfalto na Rua Vitório Sfendrich, quase esquina com a Avenida das Araucárias, o problema continua sem solução.

A moradora Terezinha Verônica Stocco, que mora numa chácara bem no local onde está o buraco, disse que já cansou de pedir providências para a Prefeitura e Sanepar. “Além de não resolver a questão, um fica empurrando a questão pro outro. Por isso decidi tomar uma atitude mais drástica e vou entrar com uma ação contra os responsáveis junto à Promotoria do município, pedindo uma indenização”, conta.

A moradora acrescenta que o problema não se resume ao buraco que se abriu no asfalto. Segundo ela, parte da sua propriedade foi destruída pela ação das águas. “A chuva escorre com tanta força que está acabando com meu terreno. Moro neste local há 40 anos e não admito perder parte do que conquistei com tanto esforço por um problema que não é meu”, disse revoltada.

Solução já está a caminho
Sobre a questão, o secretário municipal de Obras Públicas, Conrado Farias de Albuquerque, comentou que o projeto já foi concluído e a ordem de serviço para execução da obra já foi assinada. “Aquele trecho de asfalto será totalmente refeito, mas a obra ainda não começou devido à morosidade nos trâmites legais que envolvem as contratações feitas por órgãos públicos”, ponderou, acrescentando que muito em breve o trabalho de restauração do local deve ser iniciado.

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

A ética dos propagadores de fake news

O título desta crônica é provocativo, pois vivemos num tempo onde cada um é induzido a acreditar na sua fake news de preferência através da

Casa Bem Acabada

Iéste negócio da gente se meter a rabequista das véis dando o maior dos problema!! Sobrinha Roseli se achegando com cara cheia de felicidade contanto

Compartilhe