Autorização para o início da licitação foi assinada na terça-feira, em cerimônia com a presença do prefeito Olizandro e do governador Requião

O prefeito Olizandro José Ferreira (PMDB) recebeu na terça-feira, dia 16, a visita do governador Roberto Requião (PMDB) para, juntos, assinarem a autorização de licitação no valor de R$ 8,2 milhões, para a aquisição de equipamentos médico-hospitalares para o Hospital Municipal de Araucária. Na oportunidade também foi assinada a ordem de serviço de R$ 1,59 milhão para o início imediato das obras do Mercado Municipal.

Além do prefeito municipal e do governador, outras dezenas de autoridades políticas locais e do Estado participaram da cerimônia, que aconteceu no canteiro de obras do hospital.

Falando aos presentes, o prefeito Olizandro ressaltou novamente a importância da parceria entre sua administração e o governo do Estado. “O hospital é uma reivindicação de mais de 30 anos e só está sendo construído agora graças a nossa parceria com o governador Requião”, afirmou, acrescentando que Requião é um governador que respeita o município e seus moradores. Olizandro também falou da descrença de muitos quando ele anunciou que construiria o hospital. “Há poucos dias alguns ainda não acreditavam que o hospital estava sendo construído, mas ele é uma realidade e estará pronto até o final deste ano”, previu.

Sobre o Mercado Municipal, o prefeito garantiu que os produtores araucarienses serão priorizados, principalmente aqueles que cultivam produtos orgânicos.

Por sua vez, o governador Requião aproveitou a ocasião para agradecer o apoio que recebeu dos moradores do município nas últimas eleições. Requião disse também que o hospital é uma obra maravilhosa, espetacular e definitiva, que está sendo feita em parceria com o município. “Esta é uma parceria que vale a pena e que vai continuar”, anunciou.

Doação
Além da assinatura da licitação no valor de R$ 8,2 milhões para compra de equipamentos, o governador anunciou também a doação de outros R$ 8 milhões em equipamentos para o Hospital de Araucária, que serão comprados pela Secretaria Estadual de Saúde. No total, os recursos para compra de equipamentos para o hospital anunciados esta semana somam R$ 16,2 milhões. Destes, R$ 8,2 milhões serão financiados pela Sedu/Paranacidade e pagos pela Prefeitura. Ou seja, são recursos do próprio município.

Equipamentos
No hospital de Araucária serão realizados exames e procedimentos especializados em ecografia, raios-X, ecocardiografia, tomografia, laboratório clínico, videolaparoscopia, endoscopia, artroscopia, otorrinolaringologia, oftalmologia, neurocirurgia, ortopoedia e cicloergonometria. A licitação da compra de equipamentos médico-hospitalares para o Hospital tem 77 lotes. O valor total da licitação é de R$ 8,2 milhões

Produtores locais
O Mercado Municipal de Araucária vai ser construído no Bairro Porto Laranjeiras (Rua Kazimiera Szymanski, próximo ao Supermercado Condor). A obra compreende a construção de um bloco para o mercado de produtos orgânicos e a reforma de dois blocos, sendo um para a área administrativa e outro para abrigar o mercado popular (Mercadão). Também serão feitos serviços de paisagismo e de acessos para estacionamento de veículos. O total da área construída é de 1.276,45 m2. O valor da obra é de R$ 1.593.360,07. “Tive a felicidade de assinar a ordem de serviço do Mercado Municipal, que privilegia a agricultura orgânica, os pequenos produtores de Araucária e região”, disse o governador na última terça-feira.

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

A ética dos propagadores de fake news

O título desta crônica é provocativo, pois vivemos num tempo onde cada um é induzido a acreditar na sua fake news de preferência através da

Casa Bem Acabada

Iéste negócio da gente se meter a rabequista das véis dando o maior dos problema!! Sobrinha Roseli se achegando com cara cheia de felicidade contanto

Compartilhe